Caldense cria carro a energia eólica e energia solar




Avatar do Utilizador

Bluesky
Membro Platinium
Membro Platinium
Mensagens: 4184
Registado: domingo set 30, 2007 11:33 pm
Localização: Socio Nº 54
Estado: Desligado

Re: Caldense cria carro a energia eólica e energia solar

Mensagem por Bluesky » quarta jan 28, 2009 11:26 pm

se acreditar ponha os seus conceitos a funcionar e vamos ver o resultado
ficaria muito feliz (eu) se viesse a ver estes conceitos (em que creio) completamente destruidos!
assim será feito, nao tenho duvidas nenhumas desse facto, mesmo sem destruir as leis que apregoa, sendo somente colocadas no seu adequado contexto e não universalmente. e escusa de me chamar ignorante, porque o tiro pode sair-lhe pela culatra. alem disso, quando alguem expressa a sua opiniao gratuitamente e com vontade de ajudar tenho dificuldade em observar qual será a futilidade nesse acto, a menos que a audiencia seja surda ou cega, o que nao acredito.

as leis da fisica classica, apoiadas pela logica cientifica e pela observaçao, sao válidas localmente e considerando que estamos num sistema fechado. relembro-lhe que tal nao aconteçe na realidade. lembro-me muito bem das experiencias (em condiçoes ideais) que fiz em que os resultados eram sempre arredondados, feitas médias e mesmo excluidos dados que fugiam à mediana (que eram os resultados que verdadeiramente nos poderiam dizer algo de novo). num contexto acéptico e céptico como o meio cientifico actual só a esterilidade e a castração prevaleçem e nada de novo surge, e entao andamos sempre a raspar do mesmo tacho sem conteudo nem descernimento.

se a lógica lhe é familiar, os barcos à vela são auto-suficientes e nenhum mal trouxeram ao mundo até agora...
auto-suficiente:
que se basta a si próprio;
que produz o suficiente para o consumo.
precisamente o que estou a afirmar! sem tirar nem por. isso mesmo. afirmativo.

estamos entendidos agora?
_______ .oO Impossivel é um conceito /& / não uma realidade Oo. _______


Avatar do Utilizador

Sun_rise_pt
Membro Silver
Membro Silver
Mensagens: 311
Registado: sábado jul 14, 2007 6:51 pm
Estado: Desligado

Re: Caldense cria carro a energia eólica e energia solar

Mensagem por Sun_rise_pt » quinta jan 29, 2009 11:17 am

bem...
eu estive a falar de coisas nada exotéricas.
são regras tão evidentes, lógicas, e fáceis de demonstrar, que todos podem constatá-las fácilmente na prática.
não creio que alguém consiga quebrá-las.
a principal fonte de energia que nos rege é a do "nosso" visível sol que os povos antigos tinham razão em pôr ao nível de divinidade e que o pessoal de agora mais se interessa para promover o "bronze". o sol promove estas energias que chamamos de "renováveis", mas que temporalmente (no nosso conceito terrestre de tempo, ou noutro) serão de renovação limitada, pois pelo que se sabe, até mesmo o sol será finito.

gostaria de obter aqui respostas claras , não sómente de interesse meu, mas para esclarecimento dos interessados neste tópico, pela única razão de que há quem tenha algumas certezas da chegada a bom termo de algum dos carros do sr. joão:

poderá alguém descrever:
a)- como o veículo consegue "captar" energia (eólica) num percurso comum?
b)- como a irá utilizar?
c)- qual o acréscimo de resistência ao avanço (energia dispendida) causado por essa "captura"?
d)- qual a relação (%) entre a energia dispendida e a energia ganha?

acredito que este site seja um local de debate sério, pois foi isso que me trouxe até ele, com o intuito de conhecer e de passar algum conhecimento que tenho.

seria ótimo obter estes esclarecimentos sem evasivas técnicas de sonhos do advir, pois a clareza só elevará a qualidade e credibilidade dos intervenientes.

Avatar do Utilizador

icarho
Membro Silver
Membro Silver
Mensagens: 127
Registado: domingo jun 29, 2008 11:55 pm
Estado: Desligado

Re: Caldense cria carro a energia eólica e energia solar

Mensagem por icarho » quinta jan 29, 2009 12:15 pm

para não ter muito trabalho a procurar na pagina anterior, vou repetir-me com o que acho ser resposta às suas questões sun-rise
icarho Escreveu: - movimento do ar a aproveitar será sempre relativo ao eixo longitudinal do veiculo! não haverá qualquer procura do vento real para mover o aerogerador! para mim é um factor desprezivel pela sua inconsistencia em direcção e intensidade!

- os aerogeradores a instalar serão 2 x vawt um de cada lado embutidos na carroçaria!

- a entrada de ar para os mover será numa zona de pressão neutra ou ligeiramente positiva para não haver lugar ao aumento do arrasto aerodinamico positivo, e a saída numa zona de pressão negativa de preferencia na zona limite da turbolencia, ou seja, onde o ar que flui pela superficie do veiculo de forma linear se desprende desta gerando os chamados vortexes! e com isto matamos dois coelhos com uma cajadada só....gera-se uma corrente de ar para movimentar a turbina e consegue-se diminuir a depressão existente na parte de trás do veiculo!
parece-me que foram as unicas ideias concretas expostas neste tópico, porque o resto ....

como é obvio tudo isto seria num projecto pensado de raiz e não qualquer acrescento a algo pré existente

acho que estou é a falar de mais...devia era ser mais um ao barulho!

bluesky...os veleiros não são auto-suficientes!!!! quanto muito poderemos dizer que são uns bons colectores de energia....quando disponivel! imagine um veleiro numa noite sem vento...devia ir longe devia! quanto à outra questão ...quer civil ou militar?

Avatar do Utilizador

Sun_rise_pt
Membro Silver
Membro Silver
Mensagens: 311
Registado: sábado jul 14, 2007 6:51 pm
Estado: Desligado

Re: Caldense cria carro a energia eólica e energia solar

Mensagem por Sun_rise_pt » quinta jan 29, 2009 12:59 pm

é verdade icarho

tudo neste mundo é dependente de algo.

o termo "auto" quando utilizado na mecânica, na energia, na economia, e por aí.... ...é uma definição errada.

a questão indicada das turbinas verticais elas constituem uma resistência de carga muito superior ao equivalente de ganho energético na conversão. elas não são (%) energéticamente inocentes, se me faço entender.
e obrigatóriamente teriam de estar num local onde houvesse pressão diferencial para recolher energia provinda dessa diferença. onde não há diferenças de potencial seja ele qual for ( o termo eléctrico é apropriado... ) não há recolha de energia.
para que uma tulbina eólica funcione tem de haver um acumular de pressão barométrica numa parte do elemento colector e de ancontecer uma depressão noutra parte dele.


RedRod
Membro Dedicado
Membro Dedicado
Mensagens: 99
Registado: segunda jan 12, 2009 1:28 pm
Estado: Desligado

Re: Caldense cria carro a energia eólica e energia solar

Mensagem por RedRod » quinta jan 29, 2009 3:26 pm

voltamos a bater na mesma tecla
um gerador(eólico ou outro movida a vento seja de que maneira for) para transformar em movimento é pior que uma vela porque perdemos energia de duas formas na geração de energia e na transformação de energia em movimento.
uma vela funciona quando o vento está na direcção correcta porque não dá para andar contra o vento (quem vier falar de andar contra o vento está enganado porque nunca se anda contra o vento faz-se é um movimento em zig-zag que nos permita andar contra o vento mas não é pratico em caso nenhum...)
quanto aos tubos e que mais queiram fazer tem o mesmo efeito que qualquer alteração a aerodinâmica do carro por isso o que sobra é gerador seja dentro ou fora da carroçaria do carro o arrasto é o mesmo (ou quase o mesmo) e tem-se sempre perdas por isso levam o gerador na mala e montem-no quando estão estacionado que é o melhor que têm a fazer.

quem quiser (conseguir) contrariar isto arranje provas e faça um relatório porque vai ganhar o prémio nobel porque acaba de refutar tudo o que se toma por certo na ciência dos nosso dias.

Avatar do Utilizador

Sun_rise_pt
Membro Silver
Membro Silver
Mensagens: 311
Registado: sábado jul 14, 2007 6:51 pm
Estado: Desligado

Re: Caldense cria carro a energia eólica e energia solar

Mensagem por Sun_rise_pt » quinta jan 29, 2009 3:48 pm

é isso exatamente:

carregar as baterias do carro com um aerogerador estacionário sempre que houver vento, e/ou,

absorver energia enquanto for possível para dar uma ajudinha. ajudinha porque as células fotovoltaicas comerciais são pobrezinhas na conversão. caras, comparativamente ao benefício, de duração reduzida, e que se degradam continuamente.

a primeira das situações eu uso com frequência, e não sendo "auto-suficiente" vou recolhendo o que me for possivel para ter o prazer de não pagar € em combustíveis e de promover a melhora do ambiente.

Responder

Voltar para “Projectos V.E.”