Autoconsumo (500Wp) e Água Quente Sanitária (1000Wp)

Local para debater sobre os projetos para autoconsumo




Autor do tópico
Quintas2
Colaborador
Colaborador
Mensagens: 741
Registado: terça mar 03, 2015 4:11 pm
Estado: Desligado

Comparação Prática de Produção Recom-250WPoli/OpenRenewables (OR)-250WMono

Mensagem por Quintas2 » domingo mai 07, 2017 7:58 pm

Na prática, os painéis Recom policristalinos produzem quase sempre bem mais do que os monocristalinos OR (fazendo a necessária proporção pois têm o dobro da potência instalada). Não só produzem mais instantaneamente a qualquer hora do dia que eu consulte os medidores, como a sua produção diária é sempre superior (exceto 2 dias entre agosto/2016 e abril/2017). Desde 03agosto2016, dia em que instalei medidores independentes para mono e poli, os resultados foram:
Relação Poli-Mono.PNG
Relação Poli-Mono.PNG (16.5 KiB) Visto 2841 vezes
Pela apresentação que postei na altura dos meus medidores, penso que eles darão resultados muito próximos, não sendo a explicação para as discrepâncias.

Sendo o coeficiente de temperatura de -0,39% nos poli e de -0,432% nos mono, não é de esperar que a relação de produções do quadro de cima se altere no período do ano (Maio a Julho) em que não tenho dados individualizados dos mono e poli. A ver vamos, mas os 8,2% a mais dos poli em agosto/2016 já são sintomáticos.

Tendo sido o mês de janeiro2017 muito frio, poderia esperar-se uma diminuição da percentagem. Mas aqui, talvez melhor do que a temperatura ambiente, seria de considerar o n.º de horas de sol descoberto, o que faz aquecer mais os painéis é o sol em cima deles. Esse é um dado que não tenho. Mas, em geral, o inverno foi muito seco e quente, exceto janeiro – seco mas frio, pelo que tem havido muito céu limpo => maior aquecimento dos painéis.


Outras razões para maior produção do Poli

Poderia haver um problema com os painéis monocristalinos (250Wp)/inversores Involar de 250W, em relação aos painéis policristalinos (250Wp)/inversores Involar de 500W.

No circuito que mede os dois painéis mono, desligando um dos inversores, a produção instantânea desce sensivelmente para metade. Isto indica que não deve haver nenhum problema especial com um destes painéis ou inversores (ou então o problema seria igual nos 2 conjuntos painel mono/inversor, o que é pouco provável). Quando muito haveria alguma incompatibilidade de raiz entre esses painéis e estes inversores, que faria sempre baixar as produções.

À parte as maiores produções já esperadas resultantes do meu post anterior, os policristalinos parecem ter sido uma melhor aposta.
Cumprimentos,
Quintas2



Autor do tópico
Quintas2
Colaborador
Colaborador
Mensagens: 741
Registado: terça mar 03, 2015 4:11 pm
Estado: Desligado

As enxaquecas dos meus inversores INVOLAR

Mensagem por Quintas2 » domingo mai 07, 2017 8:00 pm

Todos os 4 inversores Involar que tenho desligam-se por vezes da rede, por alguns segundos. Mas, por vezes, várias vezes no mesmo dia. Já troquei um inversor mas os tiques continuam. Será mais feitio do que defeito.

Por postagens anteriores minhas e de outros users, poderia parecer ser nas alturas de maior calor. Mas o vendedor disse-me que pensa ser um problema de adaptação às frequências da rede.

Enfim, chinesices... Desde que aguentem 10 anos, já nem peço os 25 da garantia.
Cumprimentos,
Quintas2


jmlflorencio
Membro Gold
Membro Gold
Mensagens: 1794
Registado: segunda jan 26, 2015 1:05 am
Estado: Desligado

Re: Autoconsumo (500Wp) e Água Quente Sanitária (1000Wp)

Mensagem por jmlflorencio » domingo mai 07, 2017 11:01 pm

Muito bem, parabéns pelos resultados (quase 1.6 kWh/WP parece muito bom!!) e pela recolha desses dados.

Avatar do Utilizador

Emanuel Couto
Moderador
Moderador
Mensagens: 5627
Registado: domingo jul 22, 2012 7:54 pm
Localização: Açores
Estado: Desligado

Re: Autoconsumo (500Wp) e Água Quente Sanitária (1000Wp)

Mensagem por Emanuel Couto » segunda mai 08, 2017 12:35 am

Magnífica explicação... :)
Imagem

Sistema Para Autoconsumo Off-Gride com (2185wp) http://www.novaenergia.net/forum/viewto ... 11&t=16450

Adoro Fotografia... http://olhares.sapo.pt/ecc/


Autor do tópico
Quintas2
Colaborador
Colaborador
Mensagens: 741
Registado: terça mar 03, 2015 4:11 pm
Estado: Desligado

Re: Comparação de Produção Teórica Recom/OpenRenewables

Mensagem por Quintas2 » segunda mai 08, 2017 8:53 am

Obrigado pelos vossos comentários. Espero apenas que isto ajude quem quer comprar painéis. Se eu soubesse isto na altura teria tido mais cuidado a ler as etiquetas.

Parecendo que não, de agosto/2016 a abril/2017, 500Wp de painéis Recom produziram mais 35,6 kWh do que 500Wp dos OR. Uma média de 6,5% a mais.
Quintas2 Escreveu:
domingo mai 07, 2017 7:38 pm
Teria sido útil usar os dados dos painéis em condições NOCT, mas só os OR os anunciam:
P(Noct) = 182W , Vmppt(Noct) = 27,29V.
Não aparece o Imppt(Noct), mas penso que posso calculá-lo fazendo P(Noct) / Vmppt(Noct) = Imppt(Noct) = 6,67A. ESTÁ CERTO?
Quintas2 Escreveu:
domingo mai 07, 2017 7:38 pm
Hoje, cerca das 13h30min (o meio-dia solar foi às 13h33min), medi com uma pinça amperimétrica:

2 painéis mono OR: 7,91A e 7,87A (bem mais alto que o Imppt(Noct) = 6,67A ???) -> um pouco abaixo dos Impp = 8,15A da etiqueta do painel. Alguém sabe explicar-me esta discrepância?
Esqueci-me que a corrente aumenta com a temperatura e a tensão diminui. Assim, num dia como o de ontem, é bem possível ter uma corrente medida superior à Imppt(Noct).
Cumprimentos,
Quintas2


Autor do tópico
Quintas2
Colaborador
Colaborador
Mensagens: 741
Registado: terça mar 03, 2015 4:11 pm
Estado: Desligado

Desviador de Cargas

Mensagem por Quintas2 » segunda mai 08, 2017 10:56 am

Arranjei um novo desviador de cargas.
DSCN0746.JPG
Utilizei esta iogurteira no passado com a intenção de não fazer tanto lixo com as embalagens de iogurte (vão para o ecoponto amarelo mas continuo sem saber se são ou não recicladas) sem me lembrar que "poupava" nas embalagens de iogurte e gastava uma embalagem de leite para fazer os iogurtes.

Enfim, ressuscitei-a recentemente como desviador de cargas: 25Wh, ao longo de 8 a 10 horas.
Cumprimentos,
Quintas2

Avatar do Utilizador

serges
Administrador
Administrador
Mensagens: 15622
Registado: quinta mar 09, 2006 7:15 pm
Localização: Amadora
Estado: Desligado

Re: Autoconsumo (500Wp) e Água Quente Sanitária (1000Wp)

Mensagem por serges » segunda mai 08, 2017 12:25 pm

Muito bem...

Faz me lembrar bons velhos tempos que se faziam iogurtes de grande qualidade.

Parabéns pela iniciativa bestial.
40595 a bordo de uma Vectrix.
Procuro pontos de carga para veículos eléctricos, contacte-me! 915001177
Mapa dos pontos de carga


BRibeiro
Membro Silver
Membro Silver
Mensagens: 133
Registado: sexta dez 26, 2014 5:45 pm
Localização: Pico, Açores
Estado: Desligado

Re: Autoconsumo (500Wp) e Água Quente Sanitária (1000Wp)

Mensagem por BRibeiro » segunda mai 08, 2017 5:47 pm

Os meus 2 micro inversores Involar MAC250 também já fizeram essas "pausas" em que param de produzir por vários minutos, já os desliguei da tomada alguns minutos e voltava a ligar e não acontecia nada e passado uns tantos minutos voltavam à carga.
O interessante é que são os dois ao mesmo tempo, será com a frequência de algum aparelho ou da linha eléctrica?
Deve ser feitio dos Involar.

Avatar do Utilizador

Emanuel Couto
Moderador
Moderador
Mensagens: 5627
Registado: domingo jul 22, 2012 7:54 pm
Localização: Açores
Estado: Desligado

Re: Autoconsumo (500Wp) e Água Quente Sanitária (1000Wp)

Mensagem por Emanuel Couto » quarta mai 10, 2017 12:08 am

Mas que belo desviador... e sabe bem... :D
Imagem

Sistema Para Autoconsumo Off-Gride com (2185wp) http://www.novaenergia.net/forum/viewto ... 11&t=16450

Adoro Fotografia... http://olhares.sapo.pt/ecc/


Autor do tópico
Quintas2
Colaborador
Colaborador
Mensagens: 741
Registado: terça mar 03, 2015 4:11 pm
Estado: Desligado

Verificação da orientação relativa ao sul verdadeiro

Mensagem por Quintas2 » segunda mai 22, 2017 8:55 am

Há dias verifiquei a orientação dos meus painéis.

Por questões práticas, a estrutura dos policristalinos ficou orientada ligeiramente mais a oeste do que a dos mono.
Mas, como a nos mono está num plano horizontal e a dos poli está num plano ligeiramente inclinado para nascente, na prática a orientação dos dois grupos é análoga: a sombra dos painéis no solo ao meio dia solar é paralela à estrutura de suporte no solo à mesma hora, tanto para os mono como para os poli.
Cumprimentos,
Quintas2


Autor do tópico
Quintas2
Colaborador
Colaborador
Mensagens: 741
Registado: terça mar 03, 2015 4:11 pm
Estado: Desligado

Meio dia Solar na hora de verão

Mensagem por Quintas2 » segunda mai 22, 2017 9:12 am

Queria só deixar aqui um alerta para quem orientar painéis pelo método do meio-dia-solar. As tabelas publicadas pelo OBSERVATÓRIO ASTRONÓMICO DE LISBOA Tapada da Ajuda referem-se ao TEMPO UNIVERSAL AO MEIO-DIA SOLAR VERDADEIRO http://oal.ul.pt/wp-content/uploads/201 ... er2017.pdf.

Assim, quem orientar na altura em que temos a hora desfasada do Tempo Universal, ou seja entre o final de março e o final de outubro, deve somar uma hora à hora indicada na tabela (isto para o continente e Madeira para quem usar a Tabela publicada para Lisboa; para os Açores, é a hora de verão que coincide com a do Tempo Universal).
Cumprimentos,
Quintas2


Autor do tópico
Quintas2
Colaborador
Colaborador
Mensagens: 741
Registado: terça mar 03, 2015 4:11 pm
Estado: Desligado

Produções do ano 2017

Mensagem por Quintas2 » quinta jan 04, 2018 9:20 am

Produções 2017.PNG
Produções 2017.PNG (19.57 KiB) Visto 2249 vezes
1500Wp, fixo ao solo, região Lisboa, orientação Sul, inclinação 35º (2x250Wp monocriltalinos Open Renewables + 2 Involar Mac250; 4x250Wp policristalinos Recom Amur Leopard + 2 Involar MAC500)
NOTAS: 2 painéis poli ligeiramente sombreados a partir +-15h, entre dez/jan. Todos à sombra a partir de +-16h, nessa altura. O sombreamento cessa a partir do princípio de fevereiro e antes de início de novembro.


Este foi um ano completamente atípico, do ponto de vista climático, com os meses tradicionalmente mais chuvosos a apresentarem-se cheios de horas de sol.
Assim, o efeito de sombra sobre os meus painéis, sensivelmente de Nov a Fev, quase não se nota, pois o acréscimo de produção pelo maior n.º de horas de sol suplanta o efeito da sombra à tardinha.
Jan suplanta até as estimativas do PVGIS5, Dez tem produções similares e Set a Nov suplantam bem as estimativas do PVGIS5, fruto de um verão que parecia não mais acabar.
Já vi aqui no fórum queixas sobre Dez ter sido um mau mês para a produção solar. Os meus resultados não compartilham essa visão. Agora o que aconteceu foi um verão que só terminou em Nov, com produções acima do normal a que se seguiu um Dez mais fraco, mas mesmo assim bom, pelo menos na minha apreciação.

Produção anual de 2516 kWh, 4,4% acima da estimativa do PVGIS5 de 2410 kWh, apesar do ensombramento dos meses mais frios.
Pelo menos no meu caso, as estimativas do PVGIS5 (2410kWh) são superiores às da versão anterior (2310 kWh), e aparentemente mais aproximadas dos resultados reais (comparando apenas para os meses mais quentes, pois aí não tenho sombras nos painéis e desprezo estes meses soalheiros e atípicos de outono/inverno).

Ano 2016 -> 1,59 kWh/Wp
Ano 2017 -> 1,68 kWh/Wp
Cumprimentos,
Quintas2

Avatar do Utilizador

serges
Administrador
Administrador
Mensagens: 15622
Registado: quinta mar 09, 2006 7:15 pm
Localização: Amadora
Estado: Desligado

Re: Autoconsumo (500Wp) e Água Quente Sanitária (1000Wp)

Mensagem por serges » quinta jan 04, 2018 9:25 am

Muito bem,

Parabéns pelos fantásticos numeros, pois parece me muito melhor infelizmente este tempo ajuda a existir mais sol e menos chuva mas a produção parece me muito boa...
40595 a bordo de uma Vectrix.
Procuro pontos de carga para veículos eléctricos, contacte-me! 915001177
Mapa dos pontos de carga


Autor do tópico
Quintas2
Colaborador
Colaborador
Mensagens: 741
Registado: terça mar 03, 2015 4:11 pm
Estado: Desligado

Comparação Recom Poli / OpenRenewables Mono

Mensagem por Quintas2 » quinta jan 04, 2018 9:46 am

Num exercício que fiz anteriormente, concluí poder explicar cerca de 3,7% da produção superior dos meus painéis policristalinos Recom, em relação aos monocristalinos OpenRenewables, devido às características dos painéis.
E escrevi: “Sendo o coeficiente de temperatura de -0,39% nos poli e de -0,432% nos mono, não é de esperar que a relação de produções do quadro de cima se altere no período do ano (Maio a Julho) em que não tenho dados individualizados dos mono e poli. A ver vamos, mas os 8,2% a mais dos poli em agosto/2016 já são sintomáticos.”
Relação Poli-Mono 2017.PNG
Relação Poli-Mono 2017.PNG (27.33 KiB) Visto 2243 vezes
Parece confirmar-se, de facto, que os meus painéis policristalinos comportam-se melhor no verão do que os monocristalinos. O verão muito quente até outubro de 2017, parece refletir-se no quadro atrás.

Em média, os Recom produziram mais 6,7% do que os OpenRenewables, mais do que a diferença entre as etiquetas dos painéis parece justificar. Parece haver uma tendência (os resultados são de pouco mais de um ano, pelo que importa comprovar isso com os resultados futuros de vários anos) para que esse diferencial seja maior nos meses mais quentes. Fev2017 apresenta um resultado contraditório que não consigo explicar.

A informação existente não é coerente: há quem diga que as células monocristalinas são mais adequadas do que as policristalinas para climas mais quentes, e quem diga o contrário.

Pelas minhas conclusões até agora, os meus policristalinos parecem ser mais adequados para as minhas condições, possivelmente para o nosso clima.
Cumprimentos,
Quintas2


Autor do tópico
Quintas2
Colaborador
Colaborador
Mensagens: 741
Registado: terça mar 03, 2015 4:11 pm
Estado: Desligado

Produções 2018

Mensagem por Quintas2 » quinta jan 03, 2019 4:11 pm

Produções 2018.PNG
Produções 2018.PNG (19.73 KiB) Visto 1482 vezes
Produção anual de 2240 kWh, inferior às de 2015 e 2016; cerca de 7% abaixo da estimativa do PVGIS5 de 2410 kWh.

Ano 2016 -> 1,59 kWh/Wp
Ano 2017 -> 1,68 kWh/Wp
Ano 2018 -> 1,49 kWh/Wp
Cumprimentos,
Quintas2

Avatar do Utilizador

serges
Administrador
Administrador
Mensagens: 15622
Registado: quinta mar 09, 2006 7:15 pm
Localização: Amadora
Estado: Desligado

Re: Autoconsumo (500Wp) e Água Quente Sanitária (1000Wp)

Mensagem por serges » sexta jan 04, 2019 12:20 pm

Muito bem, dados muito importantes para partilhar com a malta...

Parabéns...
40595 a bordo de uma Vectrix.
Procuro pontos de carga para veículos eléctricos, contacte-me! 915001177
Mapa dos pontos de carga


Autor do tópico
Quintas2
Colaborador
Colaborador
Mensagens: 741
Registado: terça mar 03, 2015 4:11 pm
Estado: Desligado

Produções 2019

Mensagem por Quintas2 » quarta mar 04, 2020 7:41 pm

Produções 2019.PNG
Produções 2019.PNG (18.33 KiB) Visto 479 vezes
Ano 2016 -> 1,59 kWh/Wp
Ano 2017 -> 1,68 kWh/Wp
Ano 2018 -> 1,49 kWh/Wp
Ano 2019 -> 1,54 kWh/Wp
Cumprimentos,
Quintas2

Avatar do Utilizador

serges
Administrador
Administrador
Mensagens: 15622
Registado: quinta mar 09, 2006 7:15 pm
Localização: Amadora
Estado: Desligado

Re: Autoconsumo (500Wp) e Água Quente Sanitária (1000Wp)

Mensagem por serges » terça mar 10, 2020 1:47 pm

Cinco estrelas Quintas2 está a produzir e muito bem desde que tudo bem aproveitado assim merece mesmo a pena!
40595 a bordo de uma Vectrix.
Procuro pontos de carga para veículos eléctricos, contacte-me! 915001177
Mapa dos pontos de carga


joaocunharamos
Membro Silver
Membro Silver
Mensagens: 141
Registado: quinta jun 04, 2020 10:10 pm
Localização: Porto
Estado: Desligado

Re: Produções 2019

Mensagem por joaocunharamos » quinta jun 04, 2020 11:42 pm

Quintas2 Escreveu:
quarta mar 04, 2020 7:41 pm
Produções 2019.PNG

Ano 2016 -> 1,59 kWh/Wp
Ano 2017 -> 1,68 kWh/Wp
Ano 2018 -> 1,49 kWh/Wp
Ano 2019 -> 1,54 kWh/Wp
Caro Quintas2,

como Engenheiro Electrotécnico dou-lhe os meus cumprimentos pela análise cuidada que tem feito. De facto, o valor esperado para a produção solar fotovoltáica é de 1500 a 1600 horas pico por ano. Isso dá os 1.5-1.6kWh anuais por cada Wp.

Eu teria todo o gosto em conversar consigo para conhecer a sua experiência e satisfação ao longo deste anos, se tiver disponibilidade (envie-me uma mensagem).

No que respeita a este tópico devo acrescentar (para quem esteja a acompanhar este estudo) que os indicadores presentes (2020) para a instalação de painéis solares térmicos e fotovoltáicos e demais questões associadas são os seguintes:

Painel Solar Térmico (termo-sifão)
550 €/m2
680 kWh/ano.m2
0.80 €.ano/kWh

Painel Solar Fotovoltáico
1.3 €/Wp
1600 hp/ano (1.6 kWh/Wp.ano)
cerca de 4h por dia à potência de pico
0.80 €.ano/kWh

Em Portugal, os painéis fotovoltáicos são hoje em dia comparáveis aos térmicos em termos económicos. Em países nórdicos ou frios podem até ser mais rentáveis dado que os painéis térmicos sofrem com o frio.

Os paineis são tipicamente instalados com inclinação próxima da latitude (41°). Para maximizar a produção anual pode usar-se 30-35° (para receber luz indirecta). Para aumentar ligeiramente a produção de inverno pode usar-se 45-50° (com ligeira redução da produção anual).

Os painéis são também instalados a sul para maximizar a produção global mas orientar a sudeste e/ou sudoeste pode ajudar a alinhar a produção com os períodos da manhã e/ou tarde e aumentar o auto-consumo.

Tarifas de referência de energia (com IVA)
Electricidade tarifa simples: 0.174 €/kWh
Electricidade bi-horária: 0.10-0.228 €/kWh
Gás natural: 0.079 €/kWh

Retorno de investimento dos painéis quando substituindo...
Electricidade tarifa simples: 4.6 anos
Electricidade bi-horária: 3.5-8 anos
Gás natural: 10 anos
(assumindo que utiliza toda a energia gerada)

Baterias Chumbo
150€/kWh

Baterias Lítio
600€/kWh
(mais pequenas, eficientes, duráveis e potentes)

Um banho
1.16 kWh/1000L.°C
40L agua quente a 60°C
reposição de água a 15°C
40L*(60°C-15°C) = 1800L°C
energia por banho de 2kWh

Armazenamento em água quente
cilindro com 40L (2kWh) por pessoa
Um cilindro de 80L para 2 pessoas tem 4kWh
(absorve a energia diária de 1kWp de PV ou 3-4 painéis)
40€/kWh muito mais barato que baterias
Cumprimentos,
João Ramos


joaocunharamos
Membro Silver
Membro Silver
Mensagens: 141
Registado: quinta jun 04, 2020 10:10 pm
Localização: Porto
Estado: Desligado

Re: Autoconsumo (500Wp) e Água Quente Sanitária (1000Wp)

Mensagem por joaocunharamos » quinta jun 04, 2020 11:55 pm

Acrescento que os painéis térmicos, apesar de maior dificuldade de instalação e manutenção, ocupam um terço da área para produção equivalente anual e por isso serão preferíveis para quem não tenha espaço.

Desaconselho ligar-se uma resistência directamente aos painéis sem um MPPT. Se não houver mesmo alternativa eu sugeriria projectar-se a resistência para a tensão de MPP e corrente de MPP e adicionar 10% de resistência (-10% de potência que a potencia do painel) para assegurar melhor comportamento em inverno e início/fim de dia. Isso dá cerca de 4ohms por painel em série.

Para aumentar o aproveitamento do painel eu vou alterar a resistência do meu termoacumulador (de barras) para ter três escalões diferentes (800W, 400W, 200W) que somados darão 1600W. Vou usar dispositivos Shelly 1 e Shelly Dimmer para fazer o ajuste inteligente ao longo do dia de acordo com a medição do excedente indicada pelo Shelly EM.
Cumprimentos,
João Ramos

Responder

Voltar para “Projectos de Autoconsumo”