O que fazemos ao E-Lixo?

Para assuntos relacionados com o meio ambiente que não tenham nenhuma relação com energias.




Autor do tópico
miguel21op
Membro
Membro
Mensagens: 15
Registado: quarta dez 09, 2009 10:04 am
Estado: Desligado

O que fazemos ao E-Lixo?

Mensagem por miguel21op » segunda jan 11, 2010 2:33 pm

a velocidade com que consumimos gadgets tecnológicos é cada vez mais acelerada.

as empresas - fazem o papel delas - provocam a obsolescência tecnológica de produtos com um curtíssimo ciclo de vida. assim cada vez descartamos mais rapida e alegremente coisas que ainda se encontram em perfeito estado de funcionamento.

os weee são cada vez em maior número produzindo impactos ambientais muito graves. por exemplo: nos eua embora o lixo tecnológico represente apenas 2% do total de lixo produzido contribui com 70% para a contaminação por metais pesados do solo.

o que fazer então? consumir menos, reciclar mais... ou as duas coisas?

aqui um texto com alguns números curiosos sobre o assunto:

http://classemedia.biz/blog/sociedade/c ... r-sem-ele/


Avatar do Utilizador

jmal
Membro Platinium
Membro Platinium
Mensagens: 8390
Registado: segunda nov 12, 2007 4:09 pm
Localização: Caldas da Rainha
Estado: Desligado

Re: O que fazemos ao E-Lixo?

Mensagem por jmal » segunda jan 11, 2010 3:07 pm

eu faço a minha parte, compro equipamento bom e "daquele que chamam caro" dura mais tempo, e sai mais barato, tenho um telefone que custou 700 euros, mas tem 9 anos, claro que não tem algumas funcionalidades adoptadas depois disso, mas também não as uso, o meu pc tem também já alguns anos, e tem mais desempenho que a maioria dos pcs novos com tantos megas que não prestam, mais valem poucos mas bons, do que megas que só causam problemas.

comprem equipamento de qualidade, esta é a solução, não comprem equipamentos descartáveis.
Cumps Inovadores
Vectrix VX1 Limited - 8 kwh - 20000 kms

Avatar do Utilizador

mauri
Membro Platinium
Membro Platinium
Mensagens: 7877
Registado: sexta set 04, 2009 1:04 am
Localização: Amadora
Estado: Desligado

Re: O que fazemos ao E-Lixo?

Mensagem por mauri » segunda jan 11, 2010 5:46 pm

jmal Escreveu: tenho um telefone que custou 700 euros, mas tem 9 anos
700 € hà 9 anos corresponde actualmente +/- a 1500€.
ou era (é) uma central telefónica ou então de ouro! lol lol
Imagem
Associado 69Imagem
Antes de abrir um tópico utilize a Pesquisa
Prece
Imagem

Avatar do Utilizador

jmal
Membro Platinium
Membro Platinium
Mensagens: 8390
Registado: segunda nov 12, 2007 4:09 pm
Localização: Caldas da Rainha
Estado: Desligado

Re: O que fazemos ao E-Lixo?

Mensagem por jmal » segunda jan 11, 2010 6:07 pm

mauri Escreveu:
jmal Escreveu: tenho um telefone que custou 700 euros, mas tem 9 anos
700 € hà 9 anos corresponde actualmente +/- a 1500€.
ou era (é) uma central telefónica ou então de ouro! lol lol
não, é um nokia 9500, continua a funcionar lindamente com a mesma autonomia e funcionalidade, 0 problemas. poupei já muitos euros com ele, porque se tivesse comprado outros mais baratos, tinha gasto provavelmente mais porque não duravam tanto tempo.
Cumps Inovadores
Vectrix VX1 Limited - 8 kwh - 20000 kms


Autor do tópico
miguel21op
Membro
Membro
Mensagens: 15
Registado: quarta dez 09, 2009 10:04 am
Estado: Desligado

Re: O que fazemos ao E-Lixo?

Mensagem por miguel21op » segunda jan 11, 2010 8:05 pm

aí está uma boa maneira de ver as coisas. se formos a ver bem muitos dos gadgets que vão saindo pouco ou nada acrescentam aos anteriores, tudo dependendo da funcionalidade que se quer tirar deles. são meras operações de marketing.

falo contra mim que tenho até vergonha de dizer o dinheiro que já gastei em telemóveis. a começar pelo primeiro que comprei há 15 anos e que me custou na altura mais de 500 €.

por acaso não o pus fora e tenho em casa uma colecção de todas essas loucuras agora parei porque acho que sou um pouco menos estúpido e já não vou tanto atrás de modas...

em todo o caso os impactos sobre o meio ambiente do e-waste de que fala o artigo são impressionantes e acho que, como acontece com os exemplos lá dados, também aqui as instituições deviam agir mais proactivamente nestas matérias.

Avatar do Utilizador

mauri
Membro Platinium
Membro Platinium
Mensagens: 7877
Registado: sexta set 04, 2009 1:04 am
Localização: Amadora
Estado: Desligado

Re: O que fazemos ao E-Lixo?

Mensagem por mauri » segunda jan 11, 2010 10:36 pm

a propósito do e-lixo:
os telemóveis que deixei de usar, troquei-os por novos (há empresas que aceitam os velhos dando um valor e comprando um novo). assim evito lixeira em casa e vou fazendo upgrade por um melhor!
mas gostaria de trocar o meu actual por este nexus one
SNAG-0315.jpg
SNAG-0315.jpg (25.51 KiB) Visto 9187 vezes
com um custo cerca de 370 €.
o novo telemóvel é fabricado pela htc, vem com um processador snapdragon de 1 ghz, produzido pela qualcomm, tem ecrã sensível ao toque de 3,7 polegadas de tecnologia amoled, 512mb de ram e cartão microsd de 4gb. a câmara fotográfica tem um sensor de 5 megapixels, flash, auto foco, zoom, balanceamento de brancos e efeitos de cor.
http://www.jornaldenegocios.pt/index.ph ... &id=403517
Imagem
Associado 69Imagem
Antes de abrir um tópico utilize a Pesquisa
Prece
Imagem


RJSC
Membro Platinium
Membro Platinium
Mensagens: 2368
Registado: terça jun 24, 2008 1:45 pm
Estado: Desligado

Re: O que fazemos ao E-Lixo?

Mensagem por RJSC » terça jan 12, 2010 12:40 am

eu com algum e-lixo mais low-tech por dentro, recolho de outras pessoas e canibalizo componentes que uso em experiências, projectos novos e muitas reparações!

tenho uma colecção bem grande e +/- seprada/organizada de relés, transformadores, transístores, leds, regualdores de tensão e alguns integrados lógicos, motores, interruptores, conectores, cabos, etc., tudo recolhido de aparelhos que tinham como destino o lixo.
tudo isto graças a um bom investimento que fiz: uma estação de dessoldar. agora como ela não consegue dessoldar placas com os furos metalizados, parece que vou ter que comprar/fazer um "pote de solda".


WindWalker
Membro Dedicado
Membro Dedicado
Mensagens: 38
Registado: sábado ago 15, 2009 12:50 pm
Localização: Amadora, Lisboa
Estado: Desligado

Re: O que fazemos ao E-Lixo?

Mensagem por WindWalker » terça jan 12, 2010 5:27 am

mauri Escreveu:a propósito do e-lixo:
os telemóveis que deixei de usar, troquei-os por novos (há empresas que aceitam os velhos dando um valor e comprando um novo). assim evito lixeira em casa e vou fazendo upgrade por um melhor!
tenho a ideia de que o que fazem a esses telemóveis é repará-los e enviá-los e/ou vendê-los a países pobres.

rjsc Escreveu:eu com algum e-lixo mais low-tech por dentro, recolho de outras pessoas e canibalizo componentes que uso em experiências, projectos novos e muitas reparações!

tenho uma colecção bem grande e +/- seprada/organizada de relés, transformadores, transístores, leds, regualdores de tensão e alguns integrados lógicos, motores, interruptores, conectores, cabos, etc., tudo recolhido de aparelhos que tinham como destino o lixo.
também tenho muita coisa dessoldada, por isso nunca comprei um único condensador para as montagens que faço


CrOhN
Membro Gold
Membro Gold
Mensagens: 1708
Registado: quarta jun 24, 2009 2:30 pm
Estado: Desligado

Re: O que fazemos ao E-Lixo?

Mensagem por CrOhN » terça jan 12, 2010 9:03 am

rjsc Escreveu: tudo isto graças a um bom investimento que fiz: uma estação de dessoldar. agora como ela não consegue dessoldar placas com os furos metalizados, parece que vou ter que comprar/fazer um "pote de solda".
ou uma estação (forno) de pré-aquecimento.


Njay
Membro Gold
Membro Gold
Mensagens: 1981
Registado: sábado nov 17, 2007 9:46 pm
Estado: Desligado

Re: O que fazemos ao E-Lixo?

Mensagem por Njay » terça jan 12, 2010 11:44 am

ou um ferro de engomar virado ao contrário
Copyright (c) Njay 2012-2015
Um dia o dinheiro será substituído por Conhecimento.
Aprilia RS125e
Troniquices.wordpress.com


RJSC
Membro Platinium
Membro Platinium
Mensagens: 2368
Registado: terça jun 24, 2008 1:45 pm
Estado: Desligado

Re: O que fazemos ao E-Lixo?

Mensagem por RJSC » terça jan 12, 2010 2:25 pm

njay Escreveu:ou um ferro de engomar virado ao contrário
vamos ter que começar a fazer uma série de vídeos "a engenharia do pobre"
já agora, quantos de vocês é que de vez em quando vão às escondidas buscar coisas ao ponto electrão?
(ok, eu acuso-me, eu vou...)
Última edição por RJSC em terça jan 12, 2010 3:11 pm, editado 1 vez no total.

Avatar do Utilizador

jmal
Membro Platinium
Membro Platinium
Mensagens: 8390
Registado: segunda nov 12, 2007 4:09 pm
Localização: Caldas da Rainha
Estado: Desligado

Re: O que fazemos ao E-Lixo?

Mensagem por jmal » terça jan 12, 2010 3:05 pm

também sou colecionador de equipamento que me faculte alguns componentes, mas não vou ao ponto electrão porque também conheço nenhum aqui nas imediações.
Cumps Inovadores
Vectrix VX1 Limited - 8 kwh - 20000 kms


Ferra
Membro Gold
Membro Gold
Mensagens: 1184
Registado: quinta fev 15, 2007 7:39 pm
Localização: terras de oureana
Estado: Desligado

Re: O que fazemos ao E-Lixo?

Mensagem por Ferra » terça jan 12, 2010 6:21 pm

rjsc Escreveu:
njay Escreveu:ou um ferro de engomar virado ao contrário
vamos ter que começar a fazer uma série de vídeos "a engenharia do pobre"
já agora, quantos de vocês é que de vez em quando vão às escondidas buscar coisas ao ponto electrão?
(ok, eu acuso-me, eu vou...)
já fui uma vez buscar uma impressora para retirar os tinteiros e uma coisa que é muito dificil de encontrar para essas coisas. um flat cable. normalmente são feitos de proposito para cada versão e não há no comercio. a proposito alguem tem uma epson 800 com as cabeças em condiçoes e mmuiiiito barata?.
Só sei que nada sei. Mas estou a aprender! :-)


jackslater
Membro Silver
Membro Silver
Mensagens: 104
Registado: sexta set 18, 2009 12:07 am
Estado: Desligado

Re: O que fazemos ao E-Lixo?

Mensagem por jackslater » terça jan 12, 2010 7:09 pm

os meus "electricos" vão todos para o electrão, por exemplo secador, aspirador, impressora velhinha, radio, etc.

não gosto muito de ficar com coisas a ocupar espaço.

mas tambem não so muito de modas os meus telemoveis duram muito tempo, e quando os troco vendos no "miau", o ultimo troquei e como precisava de um gps comprei um ndrive s300, baratinho e cumpre o que lhe peço gps, msg e telefone, e dizem que é tuga.

Avatar do Utilizador

Bluesky
Membro Platinium
Membro Platinium
Mensagens: 4184
Registado: domingo set 30, 2007 11:33 pm
Localização: Socio Nº 54
Estado: Desligado

Re: O que fazemos ao E-Lixo?

Mensagem por Bluesky » terça jan 12, 2010 10:58 pm

já agora, quantos de vocês é que de vez em quando vão às escondidas buscar coisas ao ponto electrão?
eu vou, ando sempre á procura de componentes..esse tal electrao devia ser um conjunto de cestos - caso contrario como chegamos ao fundo? - dentro de uma casinha com uma mesa e ferramentas para a gente tirar o que precisa e deixar o resto para a reciclagem. procuro sobretudo televisoes e motores electricos. muito util. pobreza é outra coisa - nao saber dar uso às coisas velhas.
_______ .oO Impossivel é um conceito /& / não uma realidade Oo. _______


RJSC
Membro Platinium
Membro Platinium
Mensagens: 2368
Registado: terça jun 24, 2008 1:45 pm
Estado: Desligado

Re: O que fazemos ao E-Lixo?

Mensagem por RJSC » terça jan 12, 2010 11:34 pm

bluesky Escreveu:
já agora, quantos de vocês é que de vez em quando vão às escondidas buscar coisas ao ponto electrão?
eu vou, ando sempre á procura de componentes..esse tal electrao devia ser um conjunto de cestos - caso contrario como chegamos ao fundo? - dentro de uma casinha com uma mesa e ferramentas para a gente tirar o que precisa e deixar o resto para a reciclagem. procuro sobretudo televisoes e motores electricos. muito util. pobreza é outra coisa - nao saber dar uso às coisas velhas.
mesa e ferramentas?
oh sim. o que nós tiramos é o que a amb3e quer para ter uns lucros chorudos.
uma vez eu trouxe um canivete suíço à mcgyver e estava a desaparafusar uns motores passo-a-passo duma impressora e fui abordado por 2 seguranças a dizer que eu não podia tirar coisas.
lá expliquei para o que era e eles ainda me deixaram fugir por baixo do tapete porque afinal, ainda a dar bom uso ao material.
mas reportaram à central que eu andava a tirar coisas do ponto electrão e para me deixarem ir embora, eles disseram à central que eu tinha metido tudo lá dentro de novo.
isto num ponto electrão na universidade onde estudo, e por acaso num curso de electrónica.

depois disso enviei um e-mail para a amb3e a pedir esclarecimentos sobre a situação, o qual passo a publicar aqui, já que, pelos vistos, eles podem processar-nos por reaproveitarmos componentes de reee. algo escandaloso e caricato, mas é o portugal que temos.

meu e-mail:
tenho por hábito retirar componentes de electrodomésticos velhos que têm como destino o lixo para usar em projectos de electrónica, encaminhado os restantes componentes para mim inúteis para os pontos electrão.

uma das ultimas vezes estava a retirar um equipamento para reutilizar componentes num projecto de robótica quando fui abordado por um segurança a dizer que não podia retirar equipamentos do ponto electrão.

tanto quanto sei, não é ilegal retirar objectos dos contentores de lixo, mas queria ter uma opinião definitiva por parte da amb3e, entidade gestora dos pontos electrão.

sendo a amb3e financiada pelos comerciantes e produtores de equipamento electrónico, não advirá risco de falência pelo facto de alguém reutilizar componente, isto para não falar que do ponto de vista ambiental reutilizar é muito melhor que reciclar.
a título de exemplo eu reutilizo motores eléctricos dos equipamentos e deposito o restante dos mesmos equipamentos no ponto electrão. tanto quanto sei estes equipamentos serão "fundidos" para material em bruto e não reutilizados, não advindo daí prejuízo pelo facto de alguém reutilizar componentes em vez de lhes dar como destino a reciclagem destrutiva.

desejo saber a vossa posição oficial sobre este assunto e fundamentação legal no caso de não ser permitido reutilizar equipamentos provenientes de contentores de lixo/reciclagem.

com os melhores cumprimentos
resposta da amb3e:
caro senhor

compreendo a sua necessidade em aproveitar vários componentes eléctricos e electrónicos para as suas experiências ou outras necessidades que eventualmente tenha. no entanto, não pode, de todo, retirar componentes de reee (resíduos de equipamentos eléctricos e electrónicos) nem dos pontos electrão (pe). o dl 230/2004 de 10/12 é claro. os reee devem ser encaminhados inteiros para reciclagem com todos os seus componentes. o dl 178/2006 refere que só operadores licenciados podem manusear resíduos. por outro lado, a responsabilidade da gestão do reee, a partir do momento em que é colocado no pe, é da amb3e. logo, qualquer acto de subtracção de um resíduo dentro destes pe são considerados como usurpação em propriedade alheia. sendo a maior parte destes resíduos considerados como perigosos, o seu manuseamento e desmantelamento só pode ser efectuado por operadores licenciados.

espero assim tê-lo esclarecido.

os meus cumprimentos
por isso aconselho cuidado a quem vai lá, para não termos problemas com a justiça, apesar de estarmos a fazer algo bom para o ambiente.

se algum utilizador do fórum tiver experiência na área legal, peço que nos ajude a ver se há aqui alguma distorção ou interpretação abusiva das mesmas, uma vez que a resposta, além de criminalizar a retirada de lixo do pontos electrão, também me parece criminalizar a retirada de componentes de aparelhos que são propriedade nossa, antes mesmo que os coloquemos no ponto electrão.
eles estão a proibir que retiremos peças de algo que é nossa propriedade! isso é completamente inaceitável!
ainda mais, no caso de pessoas como eu que chegam a comprar um aparelho novo com o objectivo de ser modificado ou de lhe retirar a maioria dis componentes para construir um outro aparelho, já que no mercado que temos, por vezes fica mais barato comprar um aparelho para retirar circuitos integrados, do que os comprar em lojas de electrónica.

dou um exemplo: comprei um cabo de dados usb para telemóveis antigos, pois fica-me mais barato comprar o cabo já feito numa loja asiática, que além do circuito integrados ainda trás todos os componentes adicionais necessários ao seu funcionamento, do que encomendar só circuito integrado sem mais nada de lojas de electrónica.
depois basta cortar a ficha que vai para o telemóvel e temos um conversor usb-serial pronto a ligar a microcontroladores e dispositivos como routers, etc. que têm portas de série internamente.


jackslater
Membro Silver
Membro Silver
Mensagens: 104
Registado: sexta set 18, 2009 12:07 am
Estado: Desligado

Re: O que fazemos ao E-Lixo?

Mensagem por jackslater » quarta jan 13, 2010 12:11 am

se tivessemos num país civilizado, existia em cada capital de distrito um armazem onde o pessoal podia colocar o seu material velho e depois eramos livres de ir lá visitar e retirar o que queriamos, claro que o que não prestava mesmo ia para a reciclagem, acontece em alguns paises, recordo-me que no luxemburgo existe um armazem deste genero, sei de uma pessoa que foi lá levar um televisor por que já não o queria (e funcionava) e na volta trouxe um carregador de pilhas.

sentido de comunidade

Avatar do Utilizador

mauri
Membro Platinium
Membro Platinium
Mensagens: 7877
Registado: sexta set 04, 2009 1:04 am
Localização: Amadora
Estado: Desligado

Re: O que fazemos ao E-Lixo?

Mensagem por mauri » quarta jan 13, 2010 3:59 pm

jackslater Escreveu: existia em cada capital de distrito um armazem onde o pessoal podia colocar o seu material velho e depois eramos livres de ir lá visitar e retirar o que queriamos, claro que o que não prestava mesmo ia para a reciclagem, acontece em alguns paises, recordo-me que no luxemburgo existe um armazem deste genero, sei de uma pessoa que foi lá levar um televisor por que já não o queria (e funcionava) e na volta trouxe um carregador de pilhas.
sentido de comunidade
concordo em absoluto.
e quanto à retirada de "coisas úteis" para uns e considerado "lixo" para outros, não concordo com a resposta dada sobre o dl 230/2004, embora tenha que aceitar se vigora.
eu próprio telefonei para a asae http://www.asae.pt/, que é a entidade responsável pela fiscalização e me disseram que só podiam dar resposta a todas as duvidas por email. e concordo porque é uma entidade fiscalizadora, portanto terá o seu gabinete jurídico para responder a dúvidas. acho que cada um que tenha dúvidas sobre o assunto que as envie para correio.asae@asae.pt e depois as coque aqui.
será um bom contributo.

só lembro aqui, que encontrei na rua um móvel grande que me fazia falta em casa: telefonei para os serviços camarários e disse que precisava daquele móvel abandonado na rua: eles se ofereceram de imediato a irem buscá-lo e a trazerem-mo a casa sem quaisquer despesas. isto é um modo de trabalhar exemplar! um louvor à câmara e seus funcionários!
Imagem
Associado 69Imagem
Antes de abrir um tópico utilize a Pesquisa
Prece
Imagem


RJSC
Membro Platinium
Membro Platinium
Mensagens: 2368
Registado: terça jun 24, 2008 1:45 pm
Estado: Desligado

Re: O que fazemos ao E-Lixo?

Mensagem por RJSC » terça nov 09, 2010 12:21 am

estamos a chegar ao cúmulo do desperdício, ainda por cima em altura de crise!

como nos pontos electrão da universidade de aveiro passam poucas pessoas e pouco lá deixam, eu decidi ir aos do parque de estacionamento do centro comercial glicíneas (jumbo) que me disseram estarem sempre cheios.

ao chegar lá deparo-me com 6 cartazes a4 colados quer nos pontos electrão quer nas paredes a dizer "proibido retirar equipamentos".

não imaginam a revolta que me deu.
estavam lá por exemplo duas pequenas televisões crt provavelmente com conserto fácil ou mesmo a funcionar além de muitas outras coisas, e têm como destino os fornos para derreter da amb3e.

eu por exemplo já retirei antes à socapa todos os componentes que me permitiram montar um computador para um senhor carenciado que mora aqui na aldeia e que não tinha hipótese de comprar um novo mas desejava aprender informática.

consegui uma caixa com uma motherboard com placa gráfica um processador pentium 3 500 mhz e 64 mb de ram, depois noutro mais 128 mb de ram, noutro um monitor crt 17", noutros 2 discos rígidos de 20 gb e noutra vez um gravador de cd, e ele só teve que comprar um teclado, um rato e uns altifalantes baratos, gastando no total 17€, ficou com um pentium 3 500 mhz, 192 mb de ram e 40 gb de disco rígido e gravador de cd. tudo isto recuperado do ponto electrão que tinha como destino a fornalha da amb3e.
nesse computador instalei o windows xp e dá para ele fazer as tarefas básicas.

noutra vez retirei uma lâmpada de um micro-ondas que serviu para substituir a lâmpada do forno da mãe da minha namorada, noutra retirei uma fonte de alimentação de computador a funcionar, que usei para substituir a de outro computador que se tinha queimado.

agora querem impedir tudo isto!

peço ajuda a pessoas mais habituadas a "mexer cordelinhos" / lançar campanhas para lançar uma campanha para reverter esta situação e permitir a reutilização de equipamentos electrónicos sem medos por todos!


hb_2011
Membro
Membro
Mensagens: 6
Registado: segunda dez 06, 2010 11:24 am
Estado: Desligado

Re: O que fazemos ao E-Lixo?

Mensagem por hb_2011 » terça dez 07, 2010 12:22 pm

eu recolho equipamento electronico que posterirmente separo por componentes e envio para várias empresas de reciclagem.infelizmente e ao contrario do que se pensa nada é aproveitado nem reparado por essas empresas ás vezes coisas boas e a funcionar. também compreende-se que seja impossivel estar a testar e reparar entre cerntenas de toneladas de materiais a chegarem por dia.as placas electronicas sao derretidas por uma empresa para extrair materiais, os metais sao triturados e vendidos a fundições, o cabo electrico nós trituramos, etc etc.

Responder

Voltar para “Ambiente”