Projecto fotovoltaico com baterias

Local para debater sobre o autoconsumo
Responder

Autor do tópico
lopcarlo
Novo membro
Novo membro
Mensagens: 2
Registado: quinta mar 22, 2018 7:47 pm
Estado: Desligado

Projecto fotovoltaico com baterias

Mensagem por lopcarlo »

Boas pessoal, vou aqui partilhar o meu projecto/experiência no autoconsumo, que ainda não está totalmente terminado porque ainda estou a espera das baterias que vêm da China.
Espero que seja útil de alguma forma pois tive algumas experiências boas e outras nem tanto, e outras chatas. E ainda tenho alguma duvidas que uma ajuda é sempre bem vindas para algumas decisões.

Este projeto começou a ser pensado a sério(€) em agosto passado, e nessa altura adquiri um shelly EM para conseguir ter uma noção mais real daquilo que consumo e a que horas o faço. E como grande parte das famílias, pico de manhã ao pequeno almoço, durante o dia consumos baixos e após as 18h cerca de 60-70% do consumo diário. Fim de semana muito semelhante porque aproveitamos para passear.
Devido a isto vimos que um sistema sem baterias apesar bem escalado de ser sempre rentável, a perceção que teríamos ao fim do mês seria marginal, a não ser que mudasse muito os nossos hábitos, e pelo menos para mim ter de colocar eletrodomésticos programados só para correrem durante o dia por causa da conta da eletricidade, aqui o meu tico e o teco entram em conflito. Acreditem que tentei…!!!
Portanto baterias sim, mas bem sabemos a dor na carteira que é, e o projeto ficou para ser realizado em duas grandes fases, 1 a do autoconsumo em si só com o inversor de rede e a 2 do inversor de baterias.

1ª Fase -Inversor de rede
Dimensão:
Na altura analisamos e vimos que uns 2kW seria mais que suficiente para os consumos, no entanto instalei cerca de 4,6kw por 4 motivos, colocar piscina com motor de 2cv, retirar gás natural, compra de carro híbrido e já que se vai para o telhado mais vale ele ficar logo cheio para não ter de pagar uma outra instalação no futuro.
Instalação:
A instalação foi feita por instaladores certificados, e se não fosse colocação de um cabo de bitola 2,5mm2 e disjuntor de 16a numa ligação com quase 5kw de potência, que posteriormente corrigiram, diria que o trabalho tinha sido impecável. Pessoal simpático 5* instalação sem pressas, sem chatices. No entanto não posso recomendar, porque a situação do cabo apesar não haver grandes perigos de segurança devido ao disjuntor de 16 amperes, leva-me a duvidar do trabalho. Quando veio a Primavera o disjuntor claro está começou a disparar, e com a reclamação vieram logo trocar o cabo sem qualquer problema, no entanto a dúvida agora está implantada será que no telhado está tudo ok!!
Por referência após a troca do cabo o inversor começou a produzir cerca de 1kw a mais de energia em horas de pico

Materiais:
Vou fazer uma referência aos materiais usados nesta fase da instalação para ajudar a perceber os custos que poderão ter pois não é só painéis, inversor e mão de obra….
12x 390w painéis
1x Fronius PRIMO 5.0-1
Conector MC4 Weidmuller
Cabo solar 6mm2
Parafuso em "T"
Porca Dentada
8x Perfil Light / Calha Solid X37 C/4,20m
Fixador de fecho/extremidade
Fixador Intermédio
Porca M8 ASA
Parafuso sextavado Interno M8
Bucha Química
Varão Roscado Inox M10
Placa adaptadora M10/12
Anilha EPDM
Calha técnica
Tubo VD
Itron Kit Contador ACE SL6000 (mamarracho inútil mas obrigatório)
2 Protetores de sobretensões
1 diferencial 40A 30mA Hager CFC240P
1 Disjuntor 16A efapel(55116) substituído por um de 25ª (55125)
Cabo 2,5mm2 substituído por 4mm2

2ª Fase - Inversor de Rede
Após uns meses decidimos investir em baterias, no entanto esta instalação é para ser feita por nós.
Já tínhamos decidido na primeira fase que iriamos fazer a instalação com a integração victron fronius em ac-out e optámos pelo multiplus II 48/5000/70. A dúvida seria as baterias… marca conhecida (pylontech, meterboost e afins…), pack via China ou full DIY?!!
A via DIY inicialmente agradava-me, no entanto, fazer a caixa para as células, obrigava-me a ter de comprar ferramentas que iriam injustificar o ganho em custo, e alem disso o acabamento não seria tão “clean” como uma caixa em metal. Por isso optámos por comprar as baterias na China em fevereiro. Ainda estou a aguardar, no entanto já sei que já estão na Europa e é esta a parte do projecto que falta terminar.

Entretanto já fiz a montagem do inversor mesmo sem as baterias com o intuito de fazer upgrades ao firmwares.

Esta fase consigo descrever melhor que a anterior. Espero não me esquecer de nada.

Materiais:
1x victron multiplus II 48/5000/70
1x cerbo gx
1 ips 7”
Temporariamente qualquer um transformador de 12v para alimentar o cerbo gx.
1 par de din rails mounts para o cerbo gx (quem tiver impressora 3d pode seguir essa via)
1 calha din para a caixa que não trazia
3x5m Cabos 2,5mm2 (pequenas ligações não é necessário tanto mas da jeito ter em casa)
3x4m cabo 10mm2. Fase, terra e neutro
6-7m cabo 70mm2
Ponteiras 10mm2
Ponteiras pequenas várias.
Olhais 70mm2 M8
1 porta fusíveis ANL rosca M8
2 fusiveis ANL 200ªA
Cabo de rede
Cabo HDMI
Cabo usb para micro usb
Terminais rj45
1 diferencial Schneider 40A 0,30ma IID K (colocado após o fornecimento EDP)
1 disjuntor Hager de 40A MUN 540A (após o anterior e com saída para o bypass. Nota futura, usar mesma marca porque o neutro no Schneider está a esquerda e o Hager à direita)
1 Interruptor de Bypass Hager de 40A SFT440 (polos 1/5 ponto de entrada do anterior, polos 2/6 saida para o ac in do inversor, polos 4/8 saida para o polos 12/16, polos 10/14 entrada vinda do ac out do inversor, e polos 9/13 saida para disjuntor hager)
1 disjuntor Hager de 40A MUN 540A (recebe os polos anteriores e envia para o diferencial de 63A 30ma já existente da casa.
2 Caixas de Distribuição
2 calhas legrand 100x50
Adaptador L para o anterior
Buchas
Parafusos
Pentes de 2 polos (não tinha na altura)
Router com wifi (dispensável se ligado por cabo) e internet
PC Windows com VE Configure instalado e ligação à internet. (muito pode ser feito por tlm mas upgrade do firmware do multiplus via remota é necessário pc)
1 ET112 carlo gavazzi (não necessário) como não tenho nenhuma carga antes do ac in do multiplus não é necessário, se tivesse seria.

A adquirir:
1 porta para o quadro ac
1 cx distribuição DC
1 ou 2 barramentos de 300amperes (para futura expansão)
1 interruptor de bateria 48v e 300amperes

Equipamentos necessários:
1- Berbequim
2- Chaves Philips e/ou Fendas vários tamanhos (pozidriv nice to have nos disjuntores)
3- Crimpadoras
4- Multímetro
5- Alicate de corte
6- Alicate de pontas (sim dobrar cabos de 10mm2 em pequenos espaços é dose)
7- Faca/tesoura ou idealmente descarnador de cabo,
8- X-ATO lamina nova
9- Serra para as calhas
10- Nível
11- Lápis
12- Fita métrica
13- Fita isolante
14- Mangas termoretrateis
15- Escopo e martelo se necessário abrir roços.
16- Escada (pode não ser necessário)
17- O multiplus vai para os 30kg portanto 1 par de mãos extra é uma enorme ajuda
18- Luvas (o plástico corta e bem)
19- Bejecas à descrição

Processo
Colocar o multiplus no local pretendido e medir quando cabo de 70mm2 seria necessário.

Imagem

Após isso comecei por fazer primeiro a instalação da parte AC, que devido a falta de espaço no quadro principal teve de ser num a parte. Gostaria de ter colocado o bypass dentro do quadro principal mas para isso teria de mexer na parte AC fotovoltaica que não o queria fazer.

Imagem
Imagem


Depois comecei a pensar fazer o upgrade de firmware do cerbo gx e principalmente do multiplus II que na documentação está muito vago se é ou não necessário ter o cabo mk3 da victron para isso e não o queria comprar. Não é necessário o cabo, no entanto facilita o trabalho quem já o tiver.
Fiz alguns testes para ver se coloco um mini ups a alimentar. A victron recomenda ter ligado a bateria, mas no entanto vejo-me mais a desligar a bateria para fazer ajustes e upgrades do que mexer num ups. Ainda estou a analisar esta situação.

Imagem


Ligações com o monitor.
Este monitor veio com umas colunas ainda tenho de ver se as coloco para os alarmes do cerbo ou não.

Imagem

Já ligado ao inversor

Imagem

Colocação final do cerbo gx. Ainda falta remover/alterar a alimentação pelo transformador e ajeitar os cabos.

Imagem
Imagem

Já com o ESS activo

Imagem

Caso queiram posso colocar um passo a passo de como fazer o upgrade a ambos os firmwares.


Este é o estado actual da ligação, a aguardar pela chegada das baterias

Entretanto tenho algumas questões se puderem ajudar agradeço.

1- No multiplus a escolha do código da rede coloquei other porque não existe Portugal. Posso colocar a de Espanha ou não temos o mesmo código? (já que compramos a energia lá looool!!!!!!!)
2- No manual da victron não refere nada, mas em Portugal acham recomendável colocar um protector de sobretensões permanentes e transitórias na entrada da EDP? Nem sequer sei é obrigatório para novas instalações ou não.

Avatar do Utilizador

MRider
Membro Platinium
Membro Platinium
Mensagens: 4061
Registado: segunda abr 02, 2012 10:27 pm
Localização: Ilha da Madeira
Estado: Desligado

Re: Projecto fotovoltaico com baterias

Mensagem por MRider »

Podes colocar aqui o link do monitor que usaste . Obrigado
Live long and prosper!


Autor do tópico
lopcarlo
Novo membro
Novo membro
Mensagens: 2
Registado: quinta mar 22, 2018 7:47 pm
Estado: Desligado

Re: Projecto fotovoltaico com baterias

Mensagem por lopcarlo »

Bom dia

Sim posso colocar aqui o link mas não sei se o forum permite se não o vires é porque foi bloqueado.

As ligações foram plug and play, surpreendentemente sem necessidade de calibrar nada. O que me facilitou e muito o upgrade de firmware.

A moldura foi feita numa impressora 3d, tal como os din rails. No site da victron disponibilizam o ficheiro para se poder imprimir.

Lamento eu sei que o post anterior está longo e um pouco confuso, mas feito as horas que foi e poderia ter sido 4 a 5 vezes maior porque teria conversa para "horas" simplesmente fiquei um pouco cansado.

Ainda quero ver se consigo fazer um diagrama de todas as ligações.

Qualquer coisa mais especifica que queiram perguntar força nisso.
Última edição por lopcarlo em quarta mai 25, 2022 4:20 pm, editado 1 vez no total.

Avatar do Utilizador

gigaz
Membro Dedicado
Membro Dedicado
Mensagens: 90
Registado: terça fev 19, 2019 12:50 pm
Localização: Figueira da Foz
Estado: Desligado

Re: Projecto fotovoltaico com baterias

Mensagem por gigaz »

parece ser um genérico HDMI, tipo os usados nos Raspberry Pi,
Tenho um em 10" da Waveshare q tb tem touch, mas pelo preço mais valia por uma TV lcd a fazer isso.

Respondendo à 2ª pergunta do lopcarlo:
eu planeio instalar tanto no contador como no lado DC (o meu inversor supostamente diz que tem interno, mas mais vale prevenir)

o SPD tem que ficar a jusante dum disjuntor pois quando entra em ação fica em curto e é one-shot, tem q ser trocado por um novo depois.

Avatar do Utilizador

MRider
Membro Platinium
Membro Platinium
Mensagens: 4061
Registado: segunda abr 02, 2012 10:27 pm
Localização: Ilha da Madeira
Estado: Desligado

Re: Projecto fotovoltaico com baterias

Mensagem por MRider »

Digo isto porque comprei um de marca branca mas não funciona ligado a cerbo gx o Touch.
Live long and prosper!

Avatar do Utilizador

gigaz
Membro Dedicado
Membro Dedicado
Mensagens: 90
Registado: terça fev 19, 2019 12:50 pm
Localização: Figueira da Foz
Estado: Desligado

Re: Projecto fotovoltaico com baterias

Mensagem por gigaz »

se é só a parte do touch, pode ser normal, HDMI é um standard, touch nem por isso, há várias formas de implementar e o cerbo GX não reconhece essa em particular, eles não têm uma lista de compatibilidades?


Autor do tópico
lopcarlo
Novo membro
Novo membro
Mensagens: 2
Registado: quinta mar 22, 2018 7:47 pm
Estado: Desligado

Re: Projecto fotovoltaico com baterias

Mensagem por lopcarlo »

Boas

MRider Desculpa mas não consigo colocar aqui o link, mas na altura foi o hdmi IPS 7" 1024 x 600 mais barato que encontrei. Com cerca de 60€ fiz a festa.
Na altura li num post de um forum que 1 utilizador com um firmware mais recente e com 1024 x 600 de rewsolução não necessitou de calibrar nada.
O teu não funciona? Repara que tenho um cabo HDMI normal na entrada HDMI no entanto o usb/micro usb , no cerbo está no usb do meio. Se colocares no usb junto ao hdmi o touch nao é reconhecido.

gigaz, na parte DC tenho SPD's até porque os paineis são umas boas antenas no telhado, Na AC se tivesse espaço em abundancia nem pensava 2 vezes mas com a falta de espaço tenho de fazer alguns ajustes. E continuo com a duvida será que é assim tão útil!!

Monitor de 10"? qual o resolução? tiveste que calibrar o touchscreen?

Entretanto hoje finalmente chegou a bateria, 5kwh rack stile!!! pedido dia 19 de Fevereiro chegou dia 25 Maio!!!Autch...
Parece que vou ter um fim de semana ocupado :). Depois coloco novidades

Avatar do Utilizador

gigaz
Membro Dedicado
Membro Dedicado
Mensagens: 90
Registado: terça fev 19, 2019 12:50 pm
Localização: Figueira da Foz
Estado: Desligado

Re: Projecto fotovoltaico com baterias

Mensagem por gigaz »

é 1280x800, não tenho cerbo p testar, mas geralmente os touch capacitivos não precisam calibrar, só os resistivos.

Lembro-me de qd reparava eletrodomésticos q as Maquinas de lavar é que levavam sempre pancada pois têm filtros ligados em permanecia a rede, também estouram com picos e ficam em curto como os SPD.

Ouvi falar que as seguradoras recusam a pagar quando não há SPDs, mais uma das razões que me leva a montar.

Avatar do Utilizador

jama
Membro Silver
Membro Silver
Mensagens: 561
Registado: terça jul 28, 2009 12:04 am
Localização: Lapa do Lobo-Nelas-Viseu
Estado: Desligado

Re: Projecto fotovoltaico com baterias

Mensagem por jama »

Antes de mais parabéns pelo excelente projeto , eu possuo uma instalaçao fotovoltaica de microgeraçao ,mas como o preço do kw está praticamente de borla 0,03€kw estava a pensar num projeto idêntico aproveitado a instalação que tenho 5040w de potencia de paineis (viewtopic.php?f=78&t=11932)será que adquirindo um inversor hibrido e as baterias( de litio) consigo por o sistema a funcionar?estava a pensar em meter cerca de 10KW de baterias para ficar o mais autónomo possivel , o meu consumo é cerca de 300kw mensais, todas as ajudas são bem vindas. eu estava a pensar ligar os fios que veem dos paineis ao inversor antigo ao inversor novo(hibrido )e do inversor hibrido as baterias e ao consumo da casa. queria ficar na mesma com a ligaçao da rede para uma falha que possa haver mas nao pretendo injetar nada na rede.
O SOL quando nasce é para todosImagem

A produzir acima dos 4200W/h
http://www.youtube.com/watch?v=ME00MNoekHM

Avatar do Utilizador

rnlcarlov
Membro Gold
Membro Gold
Mensagens: 1068
Registado: quinta jan 23, 2014 5:59 pm
Localização: Lisboa
Estado: Desligado

Re: Projecto fotovoltaico com baterias

Mensagem por rnlcarlov »

Porquê não ligar à rede para vender o excedente? Pelo que vi da microprodução, há ai uma produção bem jeitosa, superior até aos consumos de 300kWh mensais.

Avatar do Utilizador

jama
Membro Silver
Membro Silver
Mensagens: 561
Registado: terça jul 28, 2009 12:04 am
Localização: Lapa do Lobo-Nelas-Viseu
Estado: Desligado

Re: Projecto fotovoltaico com baterias

Mensagem por jama »

Ligar a rede o excedente , os preços são quase de borla estão me a pagar a 00,3€KW. para o ano que vem vai para 0,015€
O SOL quando nasce é para todosImagem

A produzir acima dos 4200W/h
http://www.youtube.com/watch?v=ME00MNoekHM

Avatar do Utilizador

rnlcarlov
Membro Gold
Membro Gold
Mensagens: 1068
Registado: quinta jan 23, 2014 5:59 pm
Localização: Lisboa
Estado: Desligado

Re: Projecto fotovoltaico com baterias

Mensagem por rnlcarlov »

Não confundir o preço da venda da microprodução com o preço da venda excedente de autoconsumo. Estão a mundos de distância. Vendendo a preços indexados já esteve acima dos 0,20€/kWh. Agora tem andando pelos 0,14-0,16.

Responder

Voltar para “Autoconsumo”