O MEU REACTOR

Local onde se pode colocar tópicos com receitas e protocolos.
Também serve para fotos e vídeos sobre as nossas experiências.



Responder
Avatar do Utilizador

Rui de Carvalho
Membro Silver
Membro Silver
Mensagens: 141
Registado: quinta dez 27, 2007 2:22 am
Localização: Rio Maior
Contacto:
Estado: Desligado

Re: O MEU REACTOR

Mensagem por Rui de Carvalho » sexta ago 01, 2008 3:06 pm

existe varios tipos de vitrificado, mas de uma forma geral, sim é tão bom ou melhor que o inox, para fazer o reactor de produção de biodiesel. contudo não pode ter falhas na pintura interna, ou seja não pode ter zonas expostas ao metal, tal situação resultara na degradação dos resto da pintura e em corrosão interna do metal, nomalmente ferro.


Avatar do Utilizador

escalavardo
Staff Member
Staff Member
Mensagens: 1290
Registado: quarta mar 22, 2006 12:45 pm
Localização: Algarve, Marrocos
Estado: Desligado

Re: O MEU REACTOR

Mensagem por escalavardo » segunda ago 04, 2008 9:35 pm

paulo, pessoalmente acho os termoacumuladores uma péssima ideia. comecei com um e desisti. nunca conseguia controlar o que se passava lá dentro, é dificil adaptar entradas no topo, é quase impossível colocar um tubo externo transparente para controlar as quantidades e a côr do processo, e outros problemas, tais como em caso de necessidade de limpeza interior.

uma cuba é mesmo a melhor opção, pois consegue-se fazer tudo o que queremos, conforme as nossas necessidades.

outro reparo que gostava de fazer ao teu processador tem a ver com o isolamento. o poliuretano tem o problema da "mobilidade". ou seja, um processador é por norma um local sujo, onde existem pequenos derrames e pequenas gotas de óleo/bd, mais que não seja durante o processo de secagem. ora o poliuretano vai-te começar a absorver esses derrames e vai começar a apodrecer no interior.

o isolamento deve sempre ser algo que se consiga colocar e retirar com facilidade.
3º sócio novaenergia

Avatar do Utilizador

mnunespt
Membro Silver
Membro Silver
Mensagens: 780
Registado: sábado fev 10, 2007 3:29 pm
Estado: Desligado

Re: O MEU REACTOR

Mensagem por mnunespt » sexta ago 08, 2008 9:25 am

quanto ao poliuretano, é sempre possivel após aplica-lo, passar com aquele celofane de "embrulhar sandes" dar bastantes voltas em cima do mesmo de forma a ficar bem forradinho. desta forma é sempre possivel passar um pano para o limpar. as gorduras já não vão poder ser absorvidas pelo poliuretano. de qualquer forma caso rompa, podes sempre trocar o celofane.

no meu caso para forrar o processador, usei umas placas de lã de rocha forradas a folha de aluminio. a folha de aluminio fica do lado de fora, dando um optimo aspecto ao reactor e mantendo a lã protegida de pingas de oleo. é possivel também usar "fita-cola" metalizada para unir as placas de lã de rocha ou fazer acabamentos.
fica um bocadito mais caro, mas fica impecavel.

abraço,

marco.


Lois
Membro Dedicado
Membro Dedicado
Mensagens: 68
Registado: terça jun 24, 2008 1:20 am
Estado: Desligado

Re: O MEU REACTOR

Mensagem por Lois » sexta ago 08, 2008 9:43 am

paulosga Escreveu:lois,
sei que tambem estas a pensar construir um reactor...
boas... realmente seria uma outra ideia, mas já tenho a cuba uma vez que a minha mãe tem algumas para fazer a "vinhaça" eu cravei-lhe uma para fazer o meu bd... (mais barato me fica)

como já foi dito também fica um pouco mais dificil adaptar o termoacumulador de modo que farei mesmo com a cuba de inox!!

irei aplicar-lhe espuma de poliuretano tal como tu, no entanto, a fim de me facilitar depois a limpeza e protecção da espuma irei fibrar em toda a volta pintando-o depois no final!! já tenho isso idealizado e vai ficar muito bonito com toda a certeza!!

agora falta-me então transportar a cuba para lisboa (que está em alvaiázere) e comprar todos os restantes acessórios!!

abraço e obrigado pelas dicas!!

então e o teu?? já produz ou não?!?


agastya
Membro
Membro
Mensagens: 8
Registado: quarta out 15, 2008 3:02 pm
Estado: Desligado

Re: O MEU REACTOR

Mensagem por agastya » quinta out 16, 2008 11:04 am

paulo
este processador tirando os que se compram ja feitos, é o melhor que ja vi, so queria saber uma coisa como é que o calor é fornecido para dentro da cuba? atraves do pequeno cilindro coma a resistencia? se assim for o oleo é pré aquecido antes de entrar na cuba certo, ja agora como é que mandaste fazer o cilindro.

cumps

Avatar do Utilizador

Autor do tópico
paulosga
Membro Silver
Membro Silver
Mensagens: 153
Registado: sexta abr 04, 2008 11:17 am
Localização: República das Bananas
Estado: Desligado

Re: O MEU REACTOR

Mensagem por paulosga » quinta out 16, 2008 10:38 pm

sim, o pequeno cilindro acolhe uma resistência em inox de 2000w.
o cilindro fui eu que fiz, comprei uma chapa de inox, cortei e moldei as peças, depois fui a um ferreiro que tinha uma máquina de soldar inox, e pronto está feito, fácil e barato.

posso adiantar vários motivos que me levaram a optar por esta solução:
- mais segurança no processo
- a cuba está praticamente intacta
- em caso de avaria ou fugas na resistência é mais fácil a manutenção
- penso que o aquecimento será mais eficiente (maior rapidez e homogeneidade na temperatura)


lois, respondendo à tua questão, ainda não produz, faltam alguns pormenores e acima de tudo tempo disponível.
Sócio Nº46


agastya
Membro
Membro
Mensagens: 8
Registado: quarta out 15, 2008 3:02 pm
Estado: Desligado

Re: O MEU REACTOR

Mensagem por agastya » quinta out 23, 2008 1:00 pm

outra questão que me despertou a atenção, é o facto da bomba de ar que puxa o oleo, andei a pesquisar preços e as bombas que vi andavam na ordem dos 121€ mas como aquilo são bombas para agua dizia lá escrito max. 35ºc, ora se o oleo tem que chegar aos 90º será que isso não não vai danificar a bomba? aguardo sugestões

cumps

Avatar do Utilizador

mnunespt
Membro Silver
Membro Silver
Mensagens: 780
Registado: sábado fev 10, 2007 3:29 pm
Estado: Desligado

Re: O MEU REACTOR

Mensagem por mnunespt » quinta out 23, 2008 1:28 pm

essa parte da bomba é complicada.
poucas bombas aguentam calor.
no entanto mesmo algumas de 35ºmax tem feito biodiesel e aguentam-se até à data. mas é sempre um risco.
penso que o melhor é dar logo mais dinheiro por uma bomba em condições, do que ter de comprar duas bombas.
o barato sai caro.


agastya
Membro
Membro
Mensagens: 8
Registado: quarta out 15, 2008 3:02 pm
Estado: Desligado

Re: O MEU REACTOR

Mensagem por agastya » sexta out 24, 2008 10:24 am

paulo
outra questão, ja tive a ver as cubas de inox para comprar, tenho aqui perto de casa um armazem que vende produtos horticolas e afins e têm lá varias cubas em inox para a produção de vinho, eu estou a pensar comprar uma igual á tua é pena que aqui custe 230€ no algarve é tudo mais caro... e quero saber se foi preciso abrir algum furo extra na cuba e tb se vão ser usados todas as saidas que a cuba tem.

cumps

Avatar do Utilizador

Autor do tópico
paulosga
Membro Silver
Membro Silver
Mensagens: 153
Registado: sexta abr 04, 2008 11:17 am
Localização: República das Bananas
Estado: Desligado

Re: O MEU REACTOR

Mensagem por paulosga » sexta out 24, 2008 3:57 pm

apenas tive de fazer duas coisas:

1ª retirei o tubo de verificação de nível, e cortei os pequenos tubos. no inferior soldei um tubo fechado na ponta para poder colocar uma sonda se necessário. no superior fiz uma rosca e coloquei um parafuso com teflon para vedar.

2ª fiz um buraco no topo da cuba para fazer o retorno do óleo. para não recorrer a soldaduras, coloquei um acessório para tubos em inox com rosca, é só comprar a porca respectiva e enroscar no interior da cuba (para isso é necessária a abertura larga, no topo de preferência)

se vires as fotos que coloquei em posts anteriores, é mais fácil perceber as pequenas alterações que fiz.
Sócio Nº46


weltonluz
Membro
Membro
Mensagens: 6
Registado: quinta set 18, 2008 10:48 pm
Estado: Desligado

Re: O MEU REACTOR

Mensagem por weltonluz » domingo nov 23, 2008 3:59 am

com todo respeito...perto de vocês eu sou um ¨porco¨ . sempre achei fantástico o nível deste fórum, por isso me ingressei nele...acho que nunca vou postar nenhuma foto... tem gente com qualidade técnica até de desenho... eu que faço bio com tambores cortados, não necessito de aquecimento, não uso esses ¨montes¨ de aparelhos, não uso o veneno metanólico...lavar! secar!centrifugar!com que lavar? com que secar?vocês são ¨feras¨... eu é que não faço nada disso. achei minha fórmula, testei tudo na primeira vez, e ¨vamo simbóra¨...
nuca desista!
fui!

Avatar do Utilizador

Luciano Kaefer
Membro Platinium
Membro Platinium
Mensagens: 5621
Registado: sexta abr 13, 2007 4:02 pm
Estado: Desligado

Re: O MEU REACTOR

Mensagem por Luciano Kaefer » domingo nov 23, 2008 3:36 pm

caro weltonluz

aqui , o conhecimento não acaba nunca. estamos sempre propícios à mudar conceitos, estabelecer parâmetros e criar novos protocolos.

basta que você mostre o que está fazendo, a forma que está fazendo e os resultados que estás obtendo. diante dos dados, os usuários dessa seçãotentarão replicar seus experimentos, e agregando informações adicionais.

tenha em mente que as soluções melhores... são as mais simples...

aqui é um terreno sempre aberto às experiências, desde que tenha começo, meio e fim. não igual à de um user que foi banido por publicar intenção de soluções e depois deixar todos à espera de seus efeitos milagrosos.

se tens materiais e dados para relatar, sinta-se em casa. escreve o que sabe e partilhe o conhecimento, pilar desse forum que hoje lhe abriga.

sds

luciano
O Conhecimento, quando Compartilhado, se Multiplica.

Avatar do Utilizador

lobão
Membro Silver
Membro Silver
Mensagens: 601
Registado: domingo jul 29, 2007 6:51 pm
Localização: Brasil-Pelotas-RS
Estado: Desligado

Re: O MEU REACTOR

Mensagem por lobão » domingo nov 23, 2008 5:07 pm

luciano Escreveu:caro weltonluz

aqui , o conhecimento não acaba nunca. estamos sempre propícios à mudar conceitos, estabelecer parâmetros e criar novos protocolos.

basta que você mostre o que está fazendo, a forma que está fazendo e os resultados que estás obtendo. diante dos dados, os usuários dessa seçãotentarão replicar seus experimentos, e agregando informações adicionais.

tenha em mente que as soluções melhores... são as mais simples...

aqui é um terreno sempre aberto às experiências, desde que tenha começo, meio e fim. não igual à de um user que foi banido por publicar intenção de soluções e depois deixar todos à espera de seus efeitos milagrosos.

se tens materiais e dados para relatar, sinta-se em casa. escreve o que sabe e partilhe o conhecimento, pilar desse forum que hoje lhe abriga.

sds

luciano
mano velho mais um xavier maluco?????
O fracasso é a prova que antecede o êxito!!!

Avatar do Utilizador

Luciano Kaefer
Membro Platinium
Membro Platinium
Mensagens: 5621
Registado: sexta abr 13, 2007 4:02 pm
Estado: Desligado

Re: O MEU REACTOR

Mensagem por Luciano Kaefer » quarta dez 03, 2008 9:06 am

se não for o próprio, é mais um que segue o mesmo caminho do vale das sombras, onde ouvem-se gritos e ranger de dentes...

O Conhecimento, quando Compartilhado, se Multiplica.


Carlos Filho
Membro
Membro
Mensagens: 23
Registado: sábado jan 24, 2009 3:14 pm
Localização: Remanso-BA, Brasil
Estado: Desligado

Re: O MEU REACTOR

Mensagem por Carlos Filho » sexta fev 13, 2009 9:16 pm

olá, espero que estejam todos bem. tentei produzir 500 ml de bd hoje.
fiz os seguintes procedimentos:
- dissolvi aproximadamente 4 g de naoh em 110 ml de etanol (ocorreu dissolução total).
- aqueci o óleo (novo) até a temperatura indicada.
- joguei o etóxido e agitei por aproximadamente 25 minutos.
logo depois de adicionar o etóxido começou a se formar uma emulsão branca, que foi aumentando de consistência, embaixo tinha uma pasta gelatinosa, da cor do óleo. dos 500 ml de óleo não aproveitei praticamente nada, usei um coador mas mesmo assim não deu muito resultado.
sei que um dos principais problemas foi a quantidade de água do etanol, que de certa forma inviabiliza a reação produzindo sabão, por isso preciso de uma processo para desidratar o etanol (cao, na2so4, peneira molecular, entre outros), pois não tenho acesso a metanol.
acho que esse tipo de processo deveria ser levado mais a sério, como vocês sabem o metanol é bem mais tóxico com o etanol, aumentando assim os riscos de acidentes, sem contar que o mesmo é um derivado do petróleo (aumentando a cotação de petróleo, aumenta o preço do metanol não é isso?). acho que o etanol não é um vilão para produção do bd, é bem mais acessível aos produtores caseiros (postos de combustíveis - sem contar que até em casa é capaz de produzí-lo através da fermentação do açúcar), basta apenas estabelecermos um protocolo para desidratá-lo e seguir os procedimentos normais.
aguardo comentários.
carlos filho

Avatar do Utilizador

lobão
Membro Silver
Membro Silver
Mensagens: 601
Registado: domingo jul 29, 2007 6:51 pm
Localização: Brasil-Pelotas-RS
Estado: Desligado

Re: O MEU REACTOR

Mensagem por lobão » sábado fev 14, 2009 12:59 am

carlos filhoa reação tem de estar totalmente livre de água, um dos muitos problemas que vais encontrar na rota etílica será a desidratação do etanol, mas mãos a obra evai postando suas experiências, de preferência com fotos!

um abraço!!
O fracasso é a prova que antecede o êxito!!!

Avatar do Utilizador

lobão
Membro Silver
Membro Silver
Mensagens: 601
Registado: domingo jul 29, 2007 6:51 pm
Localização: Brasil-Pelotas-RS
Estado: Desligado

Re: O MEU REACTOR

Mensagem por lobão » domingo fev 15, 2009 12:14 am

carlos filho Escreveu:sei que um dos principais problemas foi a quantidade de água do etanol, que de certa forma inviabiliza a reação produzindo sabão, por isso preciso de uma processo para desidratar o etanol (cao, na2so4, peneira molecular, entre outros), pois não tenho acesso a metanol.
ontem eu esqueci de dizer que os melhores resultados que consegui para desidratar o álcool foi com etilenoglicol.

a peneira molecular já é um processo que custa caro!
O fracasso é a prova que antecede o êxito!!!

Avatar do Utilizador

Dioni Borges
Membro
Membro
Mensagens: 16
Registado: segunda ago 03, 2015 10:48 pm
Estado: Desligado

Re: O MEU REACTOR

Mensagem por Dioni Borges » quinta ago 06, 2015 2:45 pm

ME DIZ UMA COISA, NO CASO PORQUE NAO É BOM FAZER O METOXIDO EM UM INOX ???

Responder

Voltar para “Experiências e Protocolos”