Autoconsumo 500W (2x260W PV +2x250W micro APS)

Local para debater sobre os projetos para autoconsumo
Gearbest Banner




Silva28
Membro
Membro
Mensagens: 21
Registado: domingo mar 05, 2017 4:21 pm
Estado: Desligado

Re: Autoconsumo 500W (2x260W PV +2x250W micro APS)

Mensagem por Silva28 » domingo jun 04, 2017 2:54 pm

Não faz mal. Mas sim isso faz-me sentido e também significa que o valor de P. reativa evolui (eventualmente até em sentido oposto) numa proporção diferente da P. ativa.
Em todo caso, observa-se pelo Fator de Potência (a descer) que há uma componente reativa ali pelo meio que começa a ter bastante impacto na potência gerada abaixo dos 20-30% da potência nominal do painel (abaixo de 50-80W dos 260W).

Ou seja, também na produção o efergy sobrestima a potência gerada pelo sistema PV. Se a componente reativa que anda lá pelo meio fosse aproximadamente constante em valor absoluto (o que era bom mas duvido) podia-se corrigir a potência medida pelo efergy (potência aparente assumida como igual à potência ativa) e obter os valores reais de produção (usando apenas os dados da potência gerada do efergy e a componente reativa obtida através do FP~0,03 do consumo noturno do inversor, assumindo que seja semelhante ao meu APS 250).

De facto, se olharmos para o gráfico do mafgod (post dia "quinta jun 01, 2017 2:37 pm"), curva "Power Generated" pelas 7:30h da manhã no momento imediatamente antes do inicio da produção e substituirmos os 40W de consumo (que na verdade são 40VA) pelo valor real de ~1.2W (valor resultante de FP~0,03) observava-se um salto na produção. Ora, num dia de sol não existe saltar de 1.2W (de consumo e produção 0W) para logo a seguir 40W e tal de produção, o que significa que a componente reativa continua lá e vai perdendo o seu impacto à medida que a potência vinda do painel aumenta. Como já sabemos o efergy vai medir isso tudo como produção ativa gerada, o que não parece verdade.

Pedia ao mafgod se poderia disponibilizar os seus dados de produção (de 5 em 5 min talvez, não sei qual a taxa de amostragem temporal do efergy) "Power Generated" do gráfico do post do dia "quinta jun 01, 2017 2:37 pm" para fazer uns cálculos, para ver se é possível alguma aproximação para retirar a componente reativa e obter a produção real.
Aproveito também para lhe perguntar se o efergy permite que se apliquem correções ou equações aos dados?


GoogleAds
Membro
Membro
Mensagens: 99999+
Registado: sabado jan 01, 2000 00:01 am
Estado:Ligado



Autor do tópico
mafgod
Membro Silver
Membro Silver
Mensagens: 184
Registado: segunda nov 13, 2006 6:23 pm
Estado: Desligado

Re: Autoconsumo 500W (2x260W PV +2x250W micro APS)

Mensagem por mafgod » segunda jun 05, 2017 10:33 am

Ok.... o gráfico obtido no Efergy foi este:
23maioEfergy.jpg
23maioEfergy.jpg (23.09 KiB) Visto 1247 vezes
e os dados em CSV estão aqui:
Maio2017.csv
(160.88 KiB) Transferido 35 vezes

Pelo menos, na minha versão que tenho não me permite alterar os dados.
Usando o PVOutput, e sacando/usando os dados do Efergy, posso alterar/customizar os dados existentes no Efergy e obter um gráfuico corrigido.


Quintas2
Colaborador
Colaborador
Mensagens: 602
Registado: terça mar 03, 2015 4:11 pm
Estado: Desligado

Re: Autoconsumo 500W (2x260W PV +2x250W micro APS)

Mensagem por Quintas2 » segunda jun 05, 2017 1:14 pm

@Silva28 já tentei perceber isto no passado mas não consegui explicação e o conceito de fator de potência era desconhecido para mim e difícil de internalizar: https://www.novaenergia.net/forum/viewt ... #p11246764

Neste momento penso que já entendi um pouco melhor o conceito e por isso voltei a pesquisar o assunto na net. Vou só deixar o que encontrei - não sei se serve para alguma coisa e não tenho capacidade de ajuizar.

Encontrei várias hipóteses https://forums.whirlpool.net.au/archive/1420192:
- desde dever-se a interferência de transformadores de alta frequência existentes nos circuitos de controlo (parte AC dos circuitos do inversor), mesmo em inversores "transformless";
- até, sendo culpa dos medidores com sistema por pinça amperimétrica, recomendarem a colocação de um supressor de ferrite no cabo da pinça, mas, segundo quem tentou, isso não deu qualquer resultado.

Para verificar o consumo verdadeiro recomendam desligar, à noite, tudo em casa menos o disjuntor ligado ao fotovoltaico e ler no contador da rede o consumo; esperar até que se veja o contador mudar a unidade mínima de contagem e ver quanto gastou nesse período de tempo ou ver o consumo associado ao intervalo de tempo entre duas "piscadelas" do LED do contador e calcular.
Cumprimentos,
Quintas2


Silva28
Membro
Membro
Mensagens: 21
Registado: domingo mar 05, 2017 4:21 pm
Estado: Desligado

Re: Autoconsumo 500W (2x260W PV +2x250W micro APS)

Mensagem por Silva28 » terça jun 06, 2017 12:48 am

Obrigado mafgod. Durante esta semana vou proceder aos cálculos.

Quintas2 também não entendo exatamente porque circula reativa pelo meio (e julgo que é consumo do inversor) durante a produção, mas também não precisamos de saber o motivo, apenas descobrir como corrigir. Para isso só temos fazer umas medições e "jogar" com as seguintes relações (que creio que já deve conhecer a maioria se não todas), contextualizando que:
S é a potência aparente (potência medida pelo Efergy ou outro similar dada por S = tensão X corrente)
P é a potência ativa (potência que medem os contadores e a única que pagamos nós os consumidores domésticos e/ou em Baixa Tensão)
Q é a potência reativa (potência que queremos "eliminar" nas medições do Efergy ou outro similar)
FP é o fator de potência (define a fração da potência aparente que é realmente potência ativa)

As relações que precisamos são:
cos(fi) = FP
fi = arccos (FP)
S = raiz(P^2 + Q^2)
P = S x FP ou S x cos(fi)
Q = S x sin(fi)

Temos que o Efergy mede S, mas queremos saber P, então manipulando as equações temos que:
P = raiz(S^2 - Q^2)

Problema, não sabemos Q, mas, como primeira aproximação, vamos assumir que se mantém constante ao longo do dia todo, isto é, quer o inversor esteja só a consumir (de noite) ou a produzir, o valor de Q seria sempre o mesmo. Tendo em conta as medições que fiz com o medidor de tomada para o meu APS 250 tinha:
P = 0,7W
U = 228V
I = 0,103A

Ou seja,
S = U x I = 0,103 x 228 = 23,5VA
FP = P/S = 0,7/23,5 = 0,03

Isto é,
fi = arccos(FP) = 1,5408 radianos
Q = S x sin(fi) = 23,5 x sin(1,5408) = 23,49 VAr

Portanto, a potência ativa que procuramos será:
P = raiz(S^2 - Q^2) = raiz(S^2 -23,49^2), em que S são os valores medidos pelo Efergy

Este resultado é consistente no aspecto em que FP vai aumentar com o aumento de S, porém não implica que Q seja constante, pois Q pode aumentar ou diminuir numa proporção muito mais baixa que P e a relação de aumento de FP com S mantém na mesma. Assim, pensei numa forma de observar como se comporta Q ao longo da produção do sistema PV, que foi, medir com o medidor de tomada vários registos de potência ativa (P) e do fator de potência (FP) ao longo de um dia de céu limpo (para que sejam estáveis os valores).

A partir das medições de P e FP podemos calcular S e Q, e depois, descobrimos como se comporta Q ao longo de um dia de produção. Se por exemplo, Q for constante o problema está resolvido como explicado acima, se por outro lado, Q crescer ou decrescer proporcionalmente a S podemos substituir Q por uma reta de ajuste entre os dois e teriamos:
Q = a x S + b , onde a e b são os valores resultantes do ajuste à curva S vs Q (valores que desde que mantida a proporção se podem, em principio, usar noutras potências do APS, como o caso do mafgod)

E portanto, no final a potência que procuramos fica dada apenas pela potência aparente (S) medida pelo Efergy:
P = raiz(S^2 - (a x S + b)^2)

Não sei se me fiz entender, mas vou proceder aos cálculos de ambas as aproximações e qualquer dúvida, discute-se melhor!

Quanto a esta sugestão:
Quintas2 Escreveu:
segunda jun 05, 2017 1:14 pm
Para verificar o consumo verdadeiro recomendam desligar, à noite, tudo em casa menos o disjuntor ligado ao fotovoltaico e ler no contador da rede o consumo; esperar até que se veja o contador mudar a unidade mínima de contagem e ver quanto gastou nesse período de tempo ou ver o consumo associado ao intervalo de tempo entre duas "piscadelas" do LED do contador e calcular.
Dado que medi que o inversor APS 250 consome apenas 0,7W, não me parece viável medir dessa forma, pelo menos com contador mecânico (que ainda tenho) cuja precisão é 1 kWh, seriam precisas 1429 horas (~ 60 dias) de consumo para ver aquilo mudar um digito. Porém, nos vossos contadores digitais não sei qual a precisão que conseguem ter mas para 12h de noite a consumir só iam somar 8,4 Wh ou seja, uns míseros 0,0084 kWh, dúvido que tenham esse nível de precisão para se poder ver o consumo.


Quintas2
Colaborador
Colaborador
Mensagens: 602
Registado: terça mar 03, 2015 4:11 pm
Estado: Desligado

Re: Autoconsumo 500W (2x260W PV +2x250W micro APS)

Mensagem por Quintas2 » terça jun 06, 2017 8:57 am

Obrigado mais uma vez Silva28.

Não é a minha especialidade, mas já estudei o assunto na net e ainda o tenho +- presente. Em geral não tenho dificuldade na matemática mais básica.

Quanto à correção, o único problema é se os resultados não forem concretos, apontarem para uma variação não linear com alguma função mais esquisita que não seja de primeiro grau, ou até forem tipo aleatórios. Isto porque li na net que a potência reativa no inversor é muito influenciada pelo tipo de cargas que está a funcionar em cada momento na restante instalação - daí recomendarem desligar-se tudo para medir o consumo noturno do inversor sem essas influências. Em qualquer destas hipóteses, será complicada a correção.

De facto, em todo o lado que pesquisei, ninguém tira conclusões muito concretas e muitos concluem que não vale a pena queimar mais pestanas, porque o consumo real é de facto baixo e os consumidores domésticos não são cobrados pela energia reativa.

Seguirei o teu trabalho com interesse.
Cumprimentos,
Quintas2


Autor do tópico
mafgod
Membro Silver
Membro Silver
Mensagens: 184
Registado: segunda nov 13, 2006 6:23 pm
Estado: Desligado

Re: Autoconsumo 500W (2x260W PV +2x250W micro APS)

Mensagem por mafgod » quinta set 14, 2017 10:46 am

Os paineis continuam a bombar sem problemas e tenho tido médias acima dos 3kWh diários em quase todos os dias (estar no litoral oeste faz com que as manhãs sejam mais nublossas mesmo no verão),
Em jeito de resumo e por mês, a produção tem sido:
- Maio 92,47kWh
- Junho 95,26 kWh
- Julho 95,61 kWh
- Agosto 93,40 kWh

Certo que nem sempro uso tudo, contudo, em tempo de férias das filhas, a casa foi mais utilizada durante o dia logo, menos desperdício.
Como sol, só durante o dia e nem sempre, e estando eu numa encosta com bastante vento (a ver vamos se é de qualidade) pensei em adquirir uma eólica a um preço em conta...
Assim à semelhança do forista jpc, aventirei-me nos leilões e consegui também uma eólica a um preço jeitoso.

No meu caso é uma iSTA Breeze 1,5kW de 24V, igual a esta https://www.istabreeze.com/online/index ... duct_id=95

Agora algumas perguntas que desde já agradeço uma qualquer ajuda:
1- como a intenção é injetar diretamente na rede elétrica, à semelhança dos paineis solares, posso utilizar um qualquer inversor GRID-TIE que suporte 24V AC na entrada? Ou terá de ser algum específico para eólica? Também posso usar uma ponte retificadora e converter os 24 AC em 24 DC e assim ter mais leques de escolha nos inversores...
2- Creio que quem usa eólica com regulador para carregar baterias (que não é o meu caso) tem de usar uma carga (LOAD) para que quando a bateria estiver cheia e não aceitar mais carga, o regulador/gerador não se danificar. No meu caso em concreto, será necessário a LOAD para quando houver falha de rede elétrica ou, sendo um GRID TIE inverter esta necessidade não se justifica?
3- Apesar da eólica ter um valor nominal de 1500w, creio que raramente passará dos 1000w (se tivesse 500w constantes era um luxo! - deixem-me sonhar lol), assim, bastará um inversor de 1000w, certo? Há algum problema em ser inferior ao valor máximo de produção da eólica?
4- Sugestões de inversores GRID-TIE para eólica?


rjsc2000
Membro Dedicado
Membro Dedicado
Mensagens: 66
Registado: quarta set 05, 2012 10:33 am
Estado: Desligado

Re: Autoconsumo 500W (2x260W PV +2x250W micro APS)

Mensagem por rjsc2000 » quinta set 14, 2017 10:06 pm

Boa

Eu também estou na zona oeste e só tenho um painel mas está com boa prestação. Acho o tempo fresco do oeste ajuda.

Ricardo


Autor do tópico
mafgod
Membro Silver
Membro Silver
Mensagens: 184
Registado: segunda nov 13, 2006 6:23 pm
Estado: Desligado

Re: Autoconsumo 500W (2x260W PV +2x250W micro APS)

Mensagem por mafgod » sexta set 15, 2017 9:28 am

Respondendo ás minhas quesstões :-)

1. e 2. Segundo o que li pela net, mais concretamente em https://www.windynation.com/jzv/inf/win ... se-right-s, nas eólicas temos de usar um inversor com DUMP LOAD. A razão é simples, uma eólica tem de trabalhar sempre em carga (LOAD) e para que isso aconteça em todas as circunstâncias (bateria carregada num CHARGER ou falha de rede elétrica num GRID-TIE), é necessário uma DUMP LOAD para que a energia gerada pela eólica seja para aí canalizada e a eólica fique sempre em carga. Caso contrário, se a eólica não sentir a carga, girará livremente até... partir.

3. Ainda não percebi se tenho de ter um inversor de 1500W, ou se poderei ter um de menor potência, 1200W ou mesmo 500W.

4. Tenho visto vários GRID-TIE inverters para eólica no eBay por exemplo, uns com entrada em AC e outros com DC.
Nas lojas online por cá ainda não encontrei. Sugestões?


Autor do tópico
mafgod
Membro Silver
Membro Silver
Mensagens: 184
Registado: segunda nov 13, 2006 6:23 pm
Estado: Desligado

Re: Autoconsumo 500W (2x260W PV +2x250W micro APS)

Mensagem por mafgod » sexta set 15, 2017 4:01 pm

3. Parece que não há problema em ter um inversor de maior ou menor potência.

4. Na Europa nada encontrei, mas vi este da China pois claro.
http://www.ebay.com/itm/201818711551

Tem bom aspecto e creio que boas caracteristicas.
Já vem com uma DUMP LOAD e tem opção de enviar dados por WI-FI, ~325€ + IVA + TAXAS na Alfândega...

Contudo, e sendo um equipamento para ser ligado à rede elétrica creio que na alfândega poderei ter problemas nomeadamente o que está aqui:
http://pauta.dgaiec.min-financas.pt/NR/ ... ICI087.pdf

Resumindo, tenho de continuar a procurar um fornecedor europeu....


rjsc2000
Membro Dedicado
Membro Dedicado
Mensagens: 66
Registado: quarta set 05, 2012 10:33 am
Estado: Desligado

Re: Autoconsumo 500W (2x260W PV +2x250W micro APS)

Mensagem por rjsc2000 » sábado set 23, 2017 6:46 pm

O contador que me instalaram foi este.
Mas não vi nenhuma indicação da circulação da corrente.

Alguém o conhece?
contador1.jpg
mafgod Escreveu:
segunda mai 22, 2017 10:17 am
O meu está mais vestido lol20170511_191438.jpg

E confirmo, que o novo contador já faz a distinção de importação/exportação.
Já vi a indicação de exportação de energia (-1)...


Autor do tópico
mafgod
Membro Silver
Membro Silver
Mensagens: 184
Registado: segunda nov 13, 2006 6:23 pm
Estado: Desligado

Re: Autoconsumo 500W (2x260W PV +2x250W micro APS)

Mensagem por mafgod » segunda out 02, 2017 10:26 am

Resultados até setembro desde 22 de maio:
set.jpg
set.jpg (31.07 KiB) Visto 848 vezes


ramboiavzl
Membro Dedicado
Membro Dedicado
Mensagens: 30
Registado: segunda jun 05, 2017 7:00 pm
Estado: Desligado

Re: Autoconsumo 500W (2x260W PV +2x250W micro APS)

Mensagem por ramboiavzl » quarta mai 16, 2018 8:38 pm

Amigo,podia meter fotos de como estão os seus painéis no telhado?


Autor do tópico
mafgod
Membro Silver
Membro Silver
Mensagens: 184
Registado: segunda nov 13, 2006 6:23 pm
Estado: Desligado

Re: Autoconsumo 500W (2x260W PV +2x250W micro APS)

Mensagem por mafgod » quinta mai 17, 2018 9:40 am

Ok.... a vermelho.
Norte para cima.
PV_posição.jpg
PV_posição.jpg (30.18 KiB) Visto 367 vezes


Autor do tópico
mafgod
Membro Silver
Membro Silver
Mensagens: 184
Registado: segunda nov 13, 2006 6:23 pm
Estado: Desligado

Re: Autoconsumo 500W (2x260W PV +2x250W micro APS)

Mensagem por mafgod » quinta mai 17, 2018 10:02 am

Aproveito para atualizar a produção relativa ao último ano:
PV.jpg
Os valores dos primeiros meses não serão bem estes porque o efergy conta também o consumo standby dos inversores na casa dos 50W (por ex. à noite).
Passei depois a usar uma formula para ignorar os dados antes de 07 e depois das 21, e também valores de produção inferiores a 50W.
Como curiosidade:
- no melhor mês do último ano, Junho 2017, contabilizei algo como 82,7kWh, algo como 2,73kWh por dia em média, ou seja, equivalente a 5h30m a produzir no máximo (500wh)
- no pior mês, dezembro 2017, contabilizei algo como 29,6kWh, algo como 0,955kWh por dia em média, ou seja, equivalente a 1h55m a produzir no máximo (500wh)


ramboiavzl
Membro Dedicado
Membro Dedicado
Mensagens: 30
Registado: segunda jun 05, 2017 7:00 pm
Estado: Desligado

Re: Autoconsumo 500W (2x260W PV +2x250W micro APS)

Mensagem por ramboiavzl » quinta mai 17, 2018 6:52 pm

A minha ideia seria colocar os meus assim:
Imagem

No painel virado a oeste tenho sol a bater até às 19-20h no verão.
A minha ideia era mesmo ter uma produção mais linear evitar injectar na rede.Será a melhor opção?


apmendes
Membro Dedicado
Membro Dedicado
Mensagens: 56
Registado: terça mai 03, 2016 10:33 am
Estado: Desligado

Re: Autoconsumo 500W (2x260W PV +2x250W micro APS)

Mensagem por apmendes » quinta mai 17, 2018 7:57 pm

Penso que a tua ideia está certa, assim tens mais ou menos a mesma potência ao longo do dia.


ramboiavzl
Membro Dedicado
Membro Dedicado
Mensagens: 30
Registado: segunda jun 05, 2017 7:00 pm
Estado: Desligado

Re: Autoconsumo 500W (2x260W PV +2x250W micro APS)

Mensagem por ramboiavzl » quinta mai 17, 2018 8:41 pm

A minha interrogação é se ficam à face do telhado ou se os inclino?


Quintas2
Colaborador
Colaborador
Mensagens: 602
Registado: terça mar 03, 2015 4:11 pm
Estado: Desligado

Re: Autoconsumo 500W (2x260W PV +2x250W micro APS)

Mensagem por Quintas2 » sexta mai 18, 2018 1:51 pm

ramboiavzl Escreveu:
quinta mai 17, 2018 8:41 pm
A minha interrogação é se ficam à face do telhado ou se os inclino?
Vê mais ou menos a inclinação do teu telhado e faz o cálculo no PVGIS para essa inclinação. A seguir repete o cálculo mas pede para ele te otimizar a inclinação; aqui, ele vai dizer-te qual a inclinação ótima para o teu caso e comparas o resultado de produções com a inclinação do teu telhado e ficas a saber se a diferença justifica.
Cumprimentos,
Quintas2


ramboiavzl
Membro Dedicado
Membro Dedicado
Mensagens: 30
Registado: segunda jun 05, 2017 7:00 pm
Estado: Desligado

Re: Autoconsumo 500W (2x260W PV +2x250W micro APS)

Mensagem por ramboiavzl » segunda mai 21, 2018 3:59 pm

A minha ideia também era estimar a curva de potencia com essas orientações?Esta ferramenta permite isso?


Autor do tópico
mafgod
Membro Silver
Membro Silver
Mensagens: 184
Registado: segunda nov 13, 2006 6:23 pm
Estado: Desligado

Re: Autoconsumo 500W (2x260W PV +2x250W micro APS)

Mensagem por mafgod » segunda mai 21, 2018 4:21 pm


Responder

Voltar para “Projectos de Autoconsumo”

Quem está ligado:

Utilizadores neste fórum: Nenhum utilizador registado e 0 visitante